Tamanho do texto

Mãe costumava colocar objetos no berço para filha não bater a cabeça, porém, isso é extremamente perigoso. Saiba quais cuidados ter com os bebês

Connie Rose, de um ano e meio, morreu sufocada por um urso de pelúcia. Ao site “Daily Records” , mãe da criança, a norte-americana Dexy-Leigh Walsh, de 24 anos, conta que costumava colocar vários brinquedos macios no berço para impedir que ela batesse a cabeça. No entanto, um dia, ela encontrou um ursinho por cima da cabeça da filha, que já estava sem vida.

Leia também: Beijo pode adoecer e até matar; saiba os cuidados com o recém-nascido

A norte-americana Connie Rose, 18 meses, estava dormindo quando foi sufocada por um urso de pelúcia e morreu
Reprodução/Facebook
A norte-americana Connie Rose, 18 meses, estava dormindo quando foi sufocada por um urso de pelúcia e morreu

A morte do bebê por conta do urso de pelúcia causou um sentimento de culpa muito grande na mãe. No entanto, também foi fonte de força para que ela e a família se mobilizassem para alertar outros pais e impedir que isso acontecesse com outras crianças.

“Nossa princesa não vai morrer em vão”, fala Dexy-Leigh. Desde que a tragédia aconteceu, a mãe pede a outros pais que não deixem nenhum objeto, brinquedo ou protetores na cama das crianças. Além disso, ela e a família criaram uma campanha de conscientização para impedir que mais crianças morram por sufocamento .

Leia também: 11 erros comuns sobre a segurança do bebê

“Iniciamos esta campanha de conscientização e, se isso puder salvar a vida de outra criança, então Connie Rose não terá morrido em vão”, fala. Dexy-Leigh escolheu a internet para fazer a sua campanha.

Nas redes sociais, ela fala que não há nada pior no mundo do que perder um filho e é difícil não poder ver mais o sorriso do bebê. “Vocês não sabem a falta que sinto e o quanto dói”, diz.

Como evitar a morte por sufocamento com urso de pelúcia e outros objetos

Após a filha ser sufocada por um urso de pelúcia, a mãe criou uma campanha de conscientização onde dá dicas de segurança
Reprodução/Facebook
Após a filha ser sufocada por um urso de pelúcia, a mãe criou uma campanha de conscientização onde dá dicas de segurança

Para que mortes como a de Connie não aconteçam mais, parte da campanha de Daxy-Leigh é divulgar dicas de segurança , também indicadas pela Academia Americana de Pediatria, aos pais. Veja quais são:

Leia também: Saiba reconhecer um berço seguro

1. Não usar travesseiros ou edredons em bebês com menos de um ano de idade, pois eles podem sufocar, já que a criança não consegue empurrá-lo ou retirar do rosto.

2. Coloque sempre o cobertor ou edredom na região do peito da criança, mantendo sempre os braços livres.

3. Não use protetor de berço, pois eles também podem causar asfixia, sufocar e até causar estrangulamento.

4. Mantenha cortinas, fios ou cabos fora do alcance das crianças. Elas podem  puxar e rapidamente cobrir sua cabeça ou ficar preso ao redor do pescoço.

5. Não deixar nenhum brinquedo ou urso de pelúcia no berço, principalmente quando a criança estiver dormindo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas