Tamanho do texto

"Para quando é?", Laura Mazza, de 31 anos, escutou um mês após dar à luz

A australiana Laura Mazza, de 31 anos, é mãe de três crianças, e, como qualquer outra mãe, seu corpo ainda está se adaptando ao parto do último filho , recém-nascido, principalmente no que se trata de sua barriga pós-parto. No entanto, ela passou por uma situação embaraçosa quando uma mulher desconhecida perguntou para quando era o bebê, sendo que a criança nasceu há um mês.

Com uma barriga pós-parto, Laura faz uma brincadeira, afirmando que está
Reprodução/Facebook/Mom on the Run
Com uma barriga pós-parto, Laura faz uma brincadeira, afirmando que está "grávida de um hambúrguer"


Em publicação em sua página no Facebook, Laura fez um  desabafo  e contou sobre o acontecimento. Em vez de corrigir bruscamente a desconhecida, a mãe inventou uma data qualquer para responder a moça sem ser rude, apesar de realmente querer revelar a verdade de que ela está com uma barriga pós-parto .

Laura conta que o ocorrido gerou uma reflexão e uma nova perspectiva de como ela via o próprio corpo após o nascimento de três crianças. “Eu não fiquei chateada. Não fiquei triste. Não me senti mal. Ainda parece que estou grávida, mas e daí? Eu tenho filhos e gerei cada um com muito carinho”, escreveu.

“Meus órgãos ficaram espremidos para que todos eles pudessem crescer aqui dentro”, comenta Laura, que afirma que ainda assiste a seus filhos crescerem, com muito orgulho.

A mãe conclui o desabafo afirmando que muitas mulheres querem mudar o corpo, quando, na verdade, elas deveriam aceitá-lo, afinal é o corpo que cria a vida de uma outra pessoa. “Se parece que você está grávida, se confundiram você com uma mulher grávida, se você tem essa barriguinha sensacional que eu tenho, aceite o que tem”, finaliza Laura, com uma mensagem inspiradora para outras mães e pessoas com “barriguinhas” .

Mãe da barriga pós-parto já era conhecida nas redes

Laura Mazza é conhecida nas redes sociais pelo seu blog “Mom on the Run” (“mamãe em fuga”, em tradução livre) no Facebook. Nele, ela aborda de forma sincera a realidade da maternidade, com a qual muitas mães podem se identificar .

Além de tratar sobre a questão da barriga pós-parto , ela comenta sobre assuntos como amamentação. “Quando o carteiro toca a campainha, eu abro a porta de casa amamentando e com um seio para fora, com o cabelo sem pentear e usando calças leggings”, comenta. Segundo ela, o que realmente importa é criar seus filhos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.