Tamanho do texto

"Eu acho nojento como alguém pode dizer isso sobre quatro bebês inocentes", desabafou a mãe após receber reclamação em restaurante

Danielle Styles, de 25 anos, estava jantando com os filhos em um resutantante de Gravesend, no Reino Unido, quando teve uma surpresa nada agradável. Quando olhou para a janela de vidro ao lado da mesa que estava sentada viu um bilhete com os seguintes dizeres: "Crianças devem ser vistas e não ouvidas". 

Leia também: Apresentadora defende proibição de crianças em restaurante e gera polêmica

A mãe recebeu um bilhete de outros clientes do restaurante com os dizeres:
Reprodução/Daily Mail
A mãe recebeu um bilhete de outros clientes do restaurante com os dizeres: "crianças devem ser vistas e não ouvidas"

O bilhete foi escrito pelo casal que estava sentado na mesa ao lado que Danielle ocupava com os filhos e a irmã. Segundo a mãe, os dois clientes se incomodaram com o barulho que as crianças fizeram enquanto jantavam e brincavam e não pouparam esforços para esconder o sentimento. 

A mãe fez uma publicação no Facebook sobre o episódio. Danielle gravou um vídeo contando o que aconteceu e mostrou como os filhos se comportam no dia a dia. "Sorte sua você correr para o carro antes de eu te identificar... estou tão brava", falou.

Leia também: Comportamento de criança é motivo de desconto em restaurante italiano; entenda

Em entrevista so site "Mirror", Danielle disse que ficou chocada e ainda não consegue acreditar no que aconteceu. "Eu acho nojento como alguém pode dizer isso sobre quatro bebês inocentes", disse. "Estamos zangados e chateados por alguém escrever isso sobre nossos filhos. Meu filho mais velho estava dormindo no carrinho e ele acordou chorando", desabafou. 

Repercussão

O episódio causou grande repercussão nas redes sociais, e vários usuários comentaram e compartilharam a publicação. Nos comentários, a maioria das pessoas mostraram-se chocadas  com a situação e concordaram com a reação da mãe. "Elas são crianças e isso é o que eles fazem, algumas pessoas simplesmente não gostam. Seus filhos estão bem comportados", escreveu um internauta. 

Leia também: "Amo meu filho mas estou detestando ser mãe"; declaração gera polêmica nas redes

No entanto, uma pessoa concordou com a postura do casal que enviou o bilhete. O usuário escreveu na publicação de Danielle que restaurantes não são locais para crianças brincarem e defende que elas devem ficar sentadas. "As crianças devem ficar sentadas em seus assentos e não correr. Acredito que existem lugares para as crianças correrem e o restaurante não é um deles", escreveu. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.