Tamanho do texto

Prefirir blocos com programação para o público infantil e identificar a criança com pulseiras estão na lista. Veja mais dicas de segurança

Muito brilho, confete e serpentia. O carnaval é uma das festas mais esperadas do país e nada melhor do que aproveitar a data com as crianças. Além de planejar a fantasia, é preciso pensar em como garantir a segurança das crianças no evento. 

Leia mais: Dicas para pular o carnaval com as crianças

Escolher ambientes com programação para o público infantil é uma forma de garantir a segurança das crianças no carnaval
Shuttersock
Escolher ambientes com programação para o público infantil é uma forma de garantir a segurança das crianças no carnaval


Programação adequada

Vai curtir o carnaval na rua? "Prefira os blocos infantis , eles são menos lotados e normalmente há uma corrente de pais para tornar o local ainda mais protegido", orienta Niv Steiman, especialista em segurança do Grupo GR. Se não houver essa opção, Steiman indica ir mais cedo ao local e permanece o tempo suficiente para a criança se divertir, não se estendendo até a noite.

Também é possível buscar a opção de festa em clubes que tem uma programação especial para os pequenos. Geralmente, são locais seguros e adequados para a família curtir sem se preocupar. Ou então, você pode propor um carnaval no condomínio, é uma opção segura onde pais e filhos se divertem juntos.

Leia mais: Fantasias de carnaval para crianças feitas em casa

Identificação

Normalmente, quando as crianças se perdem, elas não sabem passar informações para ajudar a encontrar os responsáveis. Por isso, Steiman recomenda que as crianças tenham uma identificação, como pulseiras ou etiquetas pregadas na roupa com o nome, endereço e telefone dos pais. 

Se a família estiver em um bloco na praia, é interessante mostrar para os pequenos referências fixas de onde estão instalados, como uma placa, uma barraca ou um prédio diferenciado. Além disso, é possível marcar um ponto de encontro com a criança caso ela se perca, pode ser um banheiro ou um bar, por exemplo. 

Leia mais: Maquiagem de carnaval para crianças

Buscando ajuda 

Por conta da grande quantidade de pessoas no local, é comum que algumas crianças sintam-se perdidas e não achem os pais. Se isso acontecer, a primeira coisa a se fazer é procurar ajuda com a segurança local e tantar manter a calma. "A criança deve ser orientada a reconhecer e buscar ajuda com policiais, casos se sintam perdidas ou assustadas", diz o especialista. Nas praias, ela deve ser instruída a procurar ajuda com salva-vidas e bombeiros. Também é importante recomendar que elas não acompanhem estranhos.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.