Tamanho do texto

Britânico Nick Rose foi diagnosticado com câncer terminal, e se preocupou em encontrar uma família para o filho, de quatro anos, antes de partir

Nick Rose, um britânico de 40 anos, era  pai solteiro do pequeno Logan, de quatro anos de idade. No começo de 2016, Nick foi diagnosticado com câncer terminal.

Youtuber fitness luta contra câncer e compartilha sua jornada emocionante

Por conta do câncer , o britânico morreu no dia 3 de janeiro. Em uma atitude nobre e preocupada, ele passou os últimos meses de vida procurando uma família para seu filho.

Nick Rose é pai solteiro e foi surpreendido com um diagnóstico de câncer terminal
Reprodução/The Sun
Nick Rose é pai solteiro e foi surpreendido com um diagnóstico de câncer terminal

Aaron Crompton, um amigo de Nick, foi quem passou os últimos meses mais difíceis de Nick cuidando de Logan e diz ao jornal britânico “The Sun” que seu amigo, mesmo lutando contra as dores mais terríveis, sempre se preocupou com o filho: “Nada vinha antes de Logan”.

Além disso, Aaron conta que Nick sempre viveu com bom humor, mesmo com câncer tomando todo seu corpo: “Ele fazia piadas sobre tudo, até sobre a doença”.

Mesmo falecendo, Nick pode ser considerado um vencedor, pois encontrou um lar adotivo para o pequeno Logan, que agora está vivendo com a nova família em Devon, no sudoeste da Inglaterra. A mãe de Logan o deixou apenas com o pai quando ele ainda era bebê.

Como Giovanna Ewbank, carioca opta por adoção de filho sem exigências; entenda

Luta contra a doença

Depois de receber o diagnóstico de câncer, Nick batalhou contra a doença por nove meses. Enquanto ele fazia quimioterapia, uma infecção se formou em volta do tumor, forçando-o a parar o tratamento.

“No começo ele fazia piadas sobre a doença para animar as pessoas, mas, no fim, ele estava agonizando”, fala Aaron.

Despedida

Amy, irmã de Aaron, ajudou com alguns detalhes e afirma ter ficado feliz por ela e o irmão terem conseguido dar a Nick e Logan um Natal perfeito, como o “último momento” pai e filho. 

“Muitas pessoas conheciam ele e teriam só boas palavras para falar sobre Nick. Ele fará falta para muitos”, lamenta Amy.

"Estou destruído. Ela era meu mundo", diz homem que perdeu mulher para o câncer

Depois da morte de Nick por conta do câncer, Aaron e sua irmã fizeram uma página de financiamento coletivo tentar arrecadar 3,5 mil libras, o equivalente a mais de R$ 13,7 mil, para organizar a “melhor despedida possível” para o amigo.