Tamanho do texto

Localização, metodologia e espaço físico devem ser considerados na hora de escolher a escola das crianças. Veja outros pontos a serem observados

A idade de seu filho ir para a escola se aproxima e com isso vem uma série de dúvidas. Como decidir qual o melhor local para a educação infantil? O que levar em conta na decisão? É natural preocupar-se. Afinal, é ali que a criança passará a maior parte do tempo e construirá as primeiras relações de amizade. Também é um período que marca novos aprendizados e a prepara para os desafios do mundo. 

Como escolher a melhor instituição para a educação infantil? Veja dicas
Thinkstock/Getty Images
Como escolher a melhor instituição para a educação infantil? Veja dicas

+ 6 pontos para prestar atenção para escolher o melhor berçário para seu filho

Para ajudar os pais na escolha da escola , a diretora e professora da Escola Kids Home, Regina Pundek, elencou dicas sobre o que observar e a perceber na hora de selecionar e visitar os locais. Veja os passos para que o começo da educação infantil seja mais simples e fácil para pais e filhos:

Pesquisa

O primeiro passo para escolher a escola ideal é pesquisar e levantar quais critérios serão levados em conta na decisão. Regina aconselha considerar metodologia, distância, preço, atendimento, espaço físico, tempo para brincar e tipo de avaliação aplicada ao longo do ano letivo. A partir disso, faça uma lista com as escolas preferidas e siga para o próximo passo: ver os locais de perto. 

Visitação

"Observe o que as crianças estão fazendo. Se estão alegres, brincando e como são tratadas pelos adultos", orienta a educadora. Observar as paredes também é importante, já que na maioria das escolas o trabalho das crianças é exposto. Assim, é possível ver algumas atividades propostas. Também deve ser avaliados a área de recreação, presença de escadas, enfermaria e refeitório", diz a profissional. 

Segundo Regina, a criança não precisa necessariamente participar do processo de escolha. "A preferência da criança não será necessariamente a dos pais, o que pode complicar ainda mais", diz. Para ela, as visitas devem ser feitas pelo pai e pela mãe e ambos devem chegar a um consenso.

Não é necessário conversar com os pais de alunos já matriculados. Uma terceira ou quarta opinião, de alguém que pouco se conhece será um complicador. 

+ Como ajudar seu filho a se adaptar na nova escola

Escola pública x escola particular

O valor que será investido na instituição de ensino também é um dilema para a maioria dos pais. Muitas pessoas acreditam erroneamente que o valor da mensalidade representa a qualidade de ensino. Escolas públicas podem, sim, ser tão boas quanto as privadas. 

O que deve ser levado em conta na escolha é o custo benefício da escola associado à realidade financeira da família.  Algumas questões precisam ser levantadas pelos pais: o valor corresponde aquilo oferecido? Ou então, pagar uma escola muito cara vai afetar as necessidades básicas? 

Metodologia

A metodologia adotada pelo colégio também deve ser levada em conta na decisão final.  "O melhor método é aquele que pratica respeito e propõe bons desafios", explica Regina.  É importante que a instituição esteja pronta para resolver conflitos levantados pela crianças.

Além disso, a educação  infantil precisa ser total. Isso quer dizer que a escola deve englobar o ser humano de alma, corpo, relacionamentos, sentimentos, pensamentos e saberes, fazendo com que os alunos sintam-se parte daquele ambiente. 

+ Qual é a melhor idade para colocar a criança na escola?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.