Tamanho do texto

Mulher compartilhou uma série de fotos da cena no Facebook como um sinal de alerta pelo tratamento que o pai dava para filha

A cena de uma menina amarrada pelo cabelo a um carrinho de supermercado como forma de castigo chocou os usuários das redes sociais. O flagra foi feito por uma mulher em um mercado em Cleveland, nos Estados Unidos, e já tem mais de 1,7 mil interações no Facebook. 

Terapeuta cria polêmia ao defender que "as crianças estão precisando de tapa na bunda”

Cena de menina amarrada pelo cabelo foi postada no Facebook
Reprodução/Facebook
Cena de menina amarrada pelo cabelo foi postada no Facebook


Nas imagens postadas por Erika Burch, uma menina amarrada pelo cabelo ao carrinho aparece chorando. O pai da criança é quem empurra o carrinho de compras pelos corredores do supermercado. Ao que parece, teria sido um castigo para a pequena. 

Erika descreve na postagem que ficou chocada com a cena e, por isso, decidiu tirar as fotos como uma forma de denúncia de abuso . Segundo a americana, a menina implorava para o pai a soltasse. "Ela dizia: 'por favor, pare. Eu prometo que não farei isso de novo'", escreve Erika na rede social. 

Ela continua o relato. "Peguei meu telefone, fiz as fotos e pedi para que ele [pai] soltasse o cabelo da garotinha. Ele mandou que eu cuidasse da minha vida". A mulher diz ainda que insistiu para que a menina tivesse os cabelos soltos do carrinho, mas não vou ouvida pelo pai. 

12 dicas práticas para lidar com a birra

Erika, então, chamou a polícia, e um policial que estava no supermercado veio ver o que acontecia, já que ela e o pai da criança discutiam no corredor. O superior do policial também veio, mas ele afirmou, de acordo com a americana, que não poderia prender o homem porque não havia sinais de agressão na criança ou machucados. Também havia cabelo faltando. 


No final, o caso causou comoção na rede social. Diversos usuário comentaram e recriminaram a atitude desse pai. Erika também continuou, mostrando indignação. "Pessoas, o que há de errado neste mundo? Isso está além do errado e alguém precisa fazer alguma coisa a respeito". Ela ainda classificou o episódio como abuso infantil e violência

A cena da menina amarrada pelo cabelo assusta e o tema se é válido ou não usar palmada ou algum tipo de castigo físico para educar os filhos é bastante polêmico. Diversos países da Europa já consideram crime as punições físicas contra as crianças. Desde 1998 há um grande movimento na União Europeia contra as palmadas. No Brasil, uma lei contra a palmada foi aprovada em 2014 . Qual a sua opinião sobre o tema?



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.