Suellen Rosim foi eleita prefeita de Bauru
Reprodução/Instagram
Suellen Rosim foi eleita prefeita de Bauru


652 mulheres foram eleitas para os cargos Executivos municipais, o que representa 12% do total de prefeitos eleitos, segundo levantamento da Folha de S.Paulo. O número ainda é muito baixo, já que 60% das cidades brasileiras nunca tiveram uma mulher à frente da prefeitura, mesmo elas sendo 52% da população total do país.

Mas, apesar de baixo, o número traz algum avanço: 264 municípios, grande maioria com menos de 100 mil habitantes, tiveram sua primeira prefeita eleita do século, ainda segundo levantamento do jornal. Desse total, 33% são negras -- somando autodeclaradas pardas e pretas.

Uma delas é Suellen Rosim (Patriota), que foi eleita prefeita de Bauru, cidade do interior de São Paulo.  Um dia antes da eleição, ela afirma ter recebido ataques racistas, uma delas dizendo que o município "não merecia ter esta prefeita de cor com cara de favelada". 

Nadegi Queiroz
Reprodução/Globo
Nadegi Queiroz


Já Nadegi Queiroz (Republicanos) foi reeleita prefeita de Camaragibe, cidade com 158 mil habitantes na região metropolitana do Recife. Ela conta a Folha que o universo da política é muito dominado pelos homens e que as mulheres têm que enfrentar múltiplas jornadas para conseguirem estar lá também.

"Quando chega no palanque, os homens ficam na frente e você fica lá atrás. Você tem dificuldade de passar o dia estudando para à noite fazer uma bela fala, porque os homens passam o dia conversando, e a mulher fica dentro de casa, tomando conta do marido, do filho, e só à noite vai para a política", disse ela, que é mãe de dois filhos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários