Em tempo de quarentena dentro de casa é fato que a sua relação com o lar mudou. Senti-lo passou a ser necessário na sua nova rotina e muitos questionamentos, bons ou ruins, podem confundir nossas reais sensações em época de altas influências digitais do que se deve ou não fazer.

A casa é um complemento das pessoas que ali vivem , reflexo muito além de um espaço físico, e a busca constante por alto conhecimento motivou nossa coluna a apresentar para você um roteiro objetivo com o propósito de não deixar seu lar cair no esquecimento após sua rotina voltar ao normal.

▪️ Separe duas folhas sulfites A4: na primeira você colocará o título "gosto pessoal do(a) - seu nome - " e abaixo duas colunas: na primeira você preencherá com os itens que mais gosta e na segunda com o que definitivamente não te agrada. O foco dessa primeira folha é particular as suas preferências.

Exemplo 1: Adoro a poltrona da sala. Ela é confortável e é lembrança da casa da minha mãe.

Exemplo 2: Os azulejos da cozinha são escuros.

"Problemas detectados" será o título da segunda folha, com base em vícios aparentes. Sua casa também pode ficar doente (link para outro artigo). Rachaduras, rejunte desgastado, vazamentos, são alguns bons exemplos para essa lista.

▪️ Reserve um tempo para realizar um passeio dentro de casa, preferencialmente pela manhã, pois nossa mente está mais livre e servirá como esponja para as novas informações. 

Dica da Helo : mora com mais pessoas? Convide-as a participar, incluindo as crianças e os adolescentes. Analisem as respostas juntos. Você com certeza irá se surpreender. 

Material pronto? Papéis e caneta em mãos? Hora da ação e não esqueça das anotações. 

▪️ Vista-se como se fosse visita-la pela primeira vez.

▪️ Abra a porta da sua casa e a observe como se fosse a primeira vez! Contemple cada detalhe.

▪️ Inicie pela área social (sala, terraço ou quintal, cozinha e área de serviços).

▪️ Nas área molhadas - banheiros, cozinha e área de serviços, simule alguns usos: lavar louças, sentar no vaso sanitário, lavar as mãos.

▪️ E o tão falado espaço "home-office"? Primeiro entenda se isso é uma realidade provisória ou definitiva. Muitas vezes tomamos decisões sustentadas pela rotina atual e esquecemos que a vida é mutável.

▪️ Por último, deixe o seu quarto. É exatamente nele que o seu dia termina e inicia-se o próximo.

▪️ Abra e fecha janelas, cortinas... Empurre cadeiras, pufes, poltronas! Movimente sua casa, ela é um ser vivo! Permita-se sentir emoções. Os incômodos só aparecem quando você tocar, ver, sentir. 

Após a realização dessa atividade, a grande quantidade de informação sobrecarregará seu cérebro. Reúna todas as informações, guarde em um local de fácil acesso e aguarde nosso próximo post.

Leia também: 

Você sabia que é possível renovar sua casa sem fazer estragos? Saiba como 

    Veja Também

      Mostrar mais