Tamanho do texto

Criado por um pesquisador de inteligência artificial e neurociência, o robô é capaz de buscar locais com luz e "dançar" quando é hora de regar a planta

Na hora de cuidar de suculentas , não há muito segredo. Por serem, assim como os cactos, originárias de clima desértico, essas plantinhas não requerem cuidados muito elaborados para que cresçam saudáveis, mas, assim como toda planta, ainda é preciso ter atenção com fatores como a quantidade de luminosidade natural e de água que elas recebem.

Quando elas estão do lado de fora e são diariamente expostas à luz do sol, cuidar de suculentas fica muito mais fácil, mas, para quem quer tê-las em ambientes fechados, essa questão pode ser um pouco mais complicada. Plantas como essa precisam do máximo de luminosidade natural possível, e foi justamente a partir daí que o pesquisador de inteligência artificial e neurociência Sun Tianqi criou uma forma de as próprias plantas “buscarem” o sol.

Robô ajuda a cuidar de suculentas de forma divertida

Cuidar de suculentas é fácil, mas, como boa parte das plantas, elas morrem quando estão longe da luz natural. Com esse robô, porém, elas podem ser levadas de um lugar para outro, buscando áread mais iluminadas
Divulgação/Vinicross
Cuidar de suculentas é fácil, mas, como boa parte das plantas, elas morrem quando estão longe da luz natural. Com esse robô, porém, elas podem ser levadas de um lugar para outro, buscando áread mais iluminadas


Tianqi é fundador da Vinicross, companhia chinesa de robótica, e usou o HEXA, invenção anteriormente desenvolvida pela empresa para criar um robô que carrega plantinhas nas “costas”. Conforme ele explica em um fórum no site da companhia, a ideia surgiu em 2014 quando, ao visitar uma exposição de flores, ele só conseguiu prestar atenção em um girassol morto em meio a todos os saudáveis.

Leia também: Decoração com plantas - saiba quais espécies fazem bem à saúde e como

“Eu não tinha ideia de como ele morreu – se foi por falta de luz do sol ou água –, mas ele estava lá, e estava morto. Eu pensei, se ele pudesse se mover um pouco, dar alguns passos para longe da sombra, para onde os outros girassóis estavam, ele teria vivido de forma saudável”, comenta. Alguns anos depois, após o lançamento do HEXA, ele decidiu fazer alterações no simpático robô para que ele pudesse carregar uma suculenta.

Com sensores próprios para isso, o robô é capaz de procurar locais com luz e, uma vez sob o sol, a base a que a planta está acoplada gira para que ela seja exposta à luminosidade por inteiro. Além disso, quando o robô fica quente demais, ele busca sombras, e, quando a planta precisa de água, ele se sacode como se estivesse dançando.

Leia também: Veja dicas e inspirações para ter um jardim vertical em casa

Apesar do sucesso que o robô que ajuda a cuidar de suculentas fez quando foi apresentado por Tianqi no fórum em questão, ele não será – ao menos por enquanto – disponibilizado para venda, enquanto a versão mais básica do HEXA pode ser comprador por US$ 949 (cerca de R$ 3,6 mil).

    Leia tudo sobre: Casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.