Tamanho do texto

Alguns hábitos, como deixar objetos nos bolsos das calças e não limpar a máquina, podem prejudicar tanto o eletrodoméstico quanto as roupas

Lavar roupas é uma tarefa simples. Basta separar as peças por tipos e cores, escolher o sabão apropriado para as roupas que serão lavadas, programar o ciclo desejado e, pronto, tudo limpo, certo? Com máquinas de lavar roupas cada vez mais práticas, as chances de se fazer algo de errado nesse momento diminuem. Ainda assim, há alguns hábitos e fatores que podem danificar não apenas as peças que estão sendo lavadas como também a própria máquina e gerar prejuízos desnecessários.

Leia também: Confira quatro dicas de como não errar na hora de lavar as roupas na máquina

Apesar de eletrodomésticos estarem cada vez mais intuitivoss, há alguns hábitos e fatores simples que podem gerar problemas no motor e entupimentos na máquina de lavar roupas, além de danos nas peças que estão sendo lavadas
Shutterstock
Apesar de eletrodomésticos estarem cada vez mais intuitivoss, há alguns hábitos e fatores simples que podem gerar problemas no motor e entupimentos na máquina de lavar roupas, além de danos nas peças que estão sendo lavadas

Muitas vezes, esses fatores estão ligados ao hábito que muitas pessoas têm de não ler as instruções dos eletrodomésticos ou até de não prestar atenção nas etiquetas do que será lavado. Pensando nisso, conversamos com Silvia Tamai, gerente de produtos da Electrolux, e listamos seis coisas que você precisa deixar de fazer com sua máquina de lavar roupa s para evitar problemas futuros ou até solucionar os mais simples; confira:

1. Esquecer-se de esvaziar os bolsos das roupas

Você é aquele tipo de pessoa que fica horas se perguntando onde foi parar a carteira de identidade, o cartão de crédito, as chaves de casa e aquelas mil moedas que você recebeu de troco no almoço e é só quando vai esvaziar a máquina de lavar roupas que percebe ter deixado tudo nos bolsos das calças? Pois então é melhor colocar um lembrete ao lado dela e tentar mudar esse hábito.

Além de gastar boas horas fazendo novos documentos e cancelando cartões, esquecer objetos – por menores que sejam – nos bolsos de calças e casacos pode, sim, acabar estragando o eletrodoméstico. “Objetos como pregos, clipes e até mesmo moedas podem acabar entrando na bomba, danificando ou entupindo a peça”, afirma Silvia.

2. Ignorar as etiquetas das peças

Certo, manter etiquetas nas roupas pode incomodar, mas saber o que pode e não pode ser lavado na máquina é importante não apenas para manter a qualidade das peças – e evitar, por exemplo, que aquele seu suéter favorito fique do tamanho de uma roupinha de cachorro – como para garantir o bom funcionamento do eletrodoméstico.

“Cada tipo de tecido requer tratamentos específicos desde o momento da lavagem até serem colocados de volta no guarda-roupa, por isso é importante que o consumidor siga sempre as instruções listadas na etiqueta de cada peça”, explica Silvia.

3. Colocar sabão demais

Quanto mais sabão e amaciante colocamos na máquina de lavar roupas, mais limpas e cheirosas as peças vão ficar, certo? Errado! Os produtos para lavar roupas vêm com quantidades recomendadas nos rótulos por um motivo e ultrapassar a marca indicada pode prejudicar tanto as peças que estão sendo lavadas quanto o eletrodoméstico em si.

“Utilizar mais sabão do que o indicado pode gerar problemas a longo prazo devido ao excesso de produto que se acumula na lateral externa do cesto. Esse acúmulo pode reagir com o amaciante das lavagens e sujar as roupas ao invés de limpá-las”, explica Silvia. Isso também pode gerar entupimentos na própria máquina, então o ideal é sempre seguir as instruções do produto escolhido ou preferir uma máquina com sistema de dispenser inteligente, que interrompe esse processo.

Leia também: Veja como usar a panela de pressão corretamente e perca o medo de uma vez

4. Colocar roupas demais

Lavar grandes quantidades de roupa de uma só vez gasta menos água, menos sabão e dá menos trabalho, mas, ao adotar essa técnica, é necessário ficar de olho no limite de peso especificado na máquina de lavar roupas, tanto pelo bem do produto quanto das roupas em si. Silvia explica que sobrecarregar a máquina faz com que ela se desgaste muito mais rápido do que aconteceria normalmente devido ao maior esforço do motor e da estrutura da peça, que sustenta o peso todo.

“Já a lavagem é prejudicada pois a máquina não consegue, por falta de espaço, cumprir as funções adequadamente”, explica Silvia. Concluindo: desafiar as instruções do eletrodoméstico podem te fazer gastar muito dinheiro em uma nova e andar por aí usando roupas sujinhas.

5. Negligenciar a limpeza da máquina

Apesar de máquinas de lavar roupas serem inundadas com água e sabão sempre que utilizadas, elas precisam, sim, de limpeza . Segundo Silvia, deixar de fazer a limpeza da peça pode causar entupimentos e prejudicar a lavagem. “A lava-roupas deve ser higienizada assim como qualquer outro eletrodoméstico. Esse cuidado evita manchas nas roupas, causadas por resíduos acumulados na lavadora em função do uso excessivo de sabão e amaciante, além de prevenir que fiapos vão para o cesto durante a lavagem”, explica a especialista.

De acordo com ela, há máquinas em que é possível programar a higienização assim como se faz com o ciclo de lavagem. Se não for o caso da sua, basta misturar um litro de água sanitária com o restante de água necessário para encher o cesto e selecionar o programa “tira manchas” ou “branco encardido. O processo deve ser feito ao menos uma vez por mês.

Leia também: Especialista dá dicas de limpeza e conta o que nunca deve ser feito na faxina

6. Deixar a máquina desnivelada

Se todas as vezes em que você coloca sua máquina para funcionar ela faz mil e um barulhos, se sacode inteira e até sai do lugar, pode ser que ela nem precise de conserto, e sim de um calço em algum dos pés. Sim, apesar de não parecer nada de mais, posicionar o eletrodoméstico em um piso desnivelado, mesmo que pouco, pode estragar a peça. “O desnivelamento pode causar danos na carga da máquina, ocasionando vibrações, ruídos e afetando a performance da lavagem”, afirma Silvia.

Mesmo que ela não faça barulhos ou se movimente de forma incomum, é importante checar se os quatro pés da máquina de lavar roupas estão encostados no chão. Se não estiverem, é preciso corrigir o desnível antes de o problema aparecer.

    Leia tudo sobre: Casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas