As manchas de espinha podem durar anos
Reprodução/freepik
As manchas de espinha podem durar anos


A acne causa dois aborrecimentos: quando aparece e quando vai embora. Isso porque é comum que espinhas deixem manchas e marcas na pele que custam a desaparecer. Para saber mais sobre as manchas de acne o iG Delas conversou com as dermatologistas Luciana de Abreu e Mariana Corrêa. Elas ensinam a seguir como tratar e o que fazer para disfarçar o problema.




Segundo as especialistas, espinhas podem aparecer em qualquer idade e é sempre muito importante tratá-las corretamente. Isso significa resistir à tentação de espremê-las, uma vez que esse hábito agrava as cicatrizes deixadas pela acne.

Para eliminar as manchas de acne a recomendação é usar produtos à base de ácido salicílico e ácido glicólico, que devem sempre ser prescritos por dermatologistas. “Esses ativos ajudam a clarear a pele reduzindo manchas e controlam a oleosidade, fechando poros também. Eles também previnem a formação da acne”, diz Mariana.

Você viu?

Além dos ácidos, cremes, géis, sabonetes e antibióticos também podem ser indicados para o tratamento das manchas causadas pela acne. Existem ainda procedimentos estéticos voltados para o tratamento de manchas de acne, como peelings, lasers, dermoabrasão e preenchimentos cutâneos com ácido hialurônico, que podem melhorar o resultado do tratamento. A vitamina C, luz intensa pulsada e o microagulhamento ajudam nas manchas com aspecto avermelhado e arroxeado.

Os cuidados especiais também estão no dia a dia, como explica Luciana. “Uma boa rotina de cuidados com a pele acneica com manchas seria: um sabonete adequado para peles oleosas, antioxidantes com efeitos clareadores como a vitamina C, hidratante para pele oleosa, filtro solar toque seco, ácidos e clareadores noturnos.”

Cuidados com a alimentação

A alimentação saudável é muito importante para manter uma pele bonita, saudável e livre de acne e manchas. Por isso evite alimentos à base de açúcar, carboidratos simples, gordurosos e derivados de leite. Reduzir o consumo de álcool e sal é super importante também.

Assim como têm os alimentos que agravam as manchas, existem os que ajudam a combater os radicais livres. “Peixes como a sardinha e o salmão, por exemplo, são bastante ricos em ômega 3, que além de contribuir para a manutenção dos lipídios na pele, é também um anti-inflamatório muito útil na prevenção e tratamento de casos como acne, alergias e psoríase.” diz Mariana.

A dermatologista também recomenda o consumo de uva, frutas vermelhas, tomate, aveia, chia, cúrcuma e gengibre. Esses alimentos são ricos em resveratrol, antioxidantes, silício, zinco, ferro e antiinflamatórios.

Para soluções rápidas, aposte no corretivo colorido

Os corretivos coloridos são soluções práticas e que conseguem cumprir seu papel na hora de disfarçar bem as manchinhas enquanto você estiver tratando.  Com valores entre R$7,90 e R$119,99, cabe no bolso e para uma ajuda rápida e prática, é uma ótima opção.

“Para as manchas de acne avermelhadas, geralmente seria indicado o corretivo esverdeado para neutralizar os tons avermelhados. O corretivo amarelo age neutralizando os  tons mais arroxeados, das hipercromias pós-inflamatórias, principalmente das lesões de acne inflamatória mais antigas em involução”, diz Luciana. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários