Tamanho do texto

Companhia canadense que esteriliza cinzas e outros restos mortais de pessoas garante que procedimento é seguro e não agride a saúde; entenda

Não são raras as pessoas que usam a tatuagem para homenagear momentos, animais de estimação e, principalmente, outras pessoas. Mas um novo método está fazendo com que essa atitude seja ainda mais autêntica e realista, tornando possível deixar marcado na pele tatuagens com cinzas de pessoas mortas.

Leia também: Confira ideias de tatuagens de animais para homenagear seu bichinho de estimação

A tatuagem com cinzas é uma opção ousada e original para quem quer homenagear alguém que já faleceu
shutterstock
A tatuagem com cinzas é uma opção ousada e original para quem quer homenagear alguém que já faleceu

Pode parecer bizarro, mas essa técnica para homenagear pessoas já falecidas está ganhando cada vez mais adeptos. Uma empresa canadense especializada em tatuagens com cinzas vende o serviço, garantindo que a técnica é totalmente segura.

Como funciona a tatuagem com cinzas?

Apesar de a empresa garantir que a tatuagem com cinzas é segura, o Ministério da Saúde do Canadá não recomenda
shutterstock
Apesar de a empresa garantir que a tatuagem com cinzas é segura, o Ministério da Saúde do Canadá não recomenda

A Everence , empresa que comercializa o material usado por quem vai fazer uma tatuagem , explica que os restos da cremação utilizados são esterilizados, para evitar qualquer risco de infecção. Logo após isso, esse conteúdo é misturado às tintas. E então, segue-se o procedimento como qualquer outra tatuagem.

Leia também: Tatuar sardas no formato de constelações dos signos é a nova tendência de beleza

Em seu site, a companhia faz uma breve apresentação para o consumidor de como realiza esse procedimento, que pode ser feito a partir de outros "elementos" da pessoa a ser homenageada. “Escolha o seu kit de coleta com base na sua fonte da Everence : [pode ser] amostra de bochecha de DNA, mecha de cabelo, cinzas, etc”, esclarece.

Eles prometem que o material para recolher a evidência do ente querido chega dentro de 5 a 7 dias úteis. “Depois de receber o kit, siga as instruções de coleta e envie o kit de volta usando o envio pré-pago. Usando nosso processo de 21 etapas, nossa equipe de laboratório cria seu Everence - um pó para uso médico - e o devolverá dentro de 30 dias”, explica.

Depois disso, é só levar essa substância desenvolvida pela empresa para qualquer tatuador. “Ele pode misturar seu Everence com qualquer tinta, aplicando a mistura a qualquer tatuagem nova ou existente. Nenhum treinamento especial ou equipamento é necessário”, garante.

“É uma técnica que impede a absorção ou destruição dos elementos no corpo. Depois mandamos o produto (que parece uma fina pólvora branca) de volta ao consumidor”, afirma Patrick Duffy CEO da empresa em entrevista ao site Digital Trends .

No entanto, a homenagem não é barata. Para conseguir tatuagens diferentes , como essas,  você terá que desembolsar (fora o gasto com o tatuador de sua escolha) US$ 350 (aproximadamente R$ 1.305), de acordo com a empresa, que ainda não oferece entregas no Brasil, apenas no Canadá, EUA, Austrália, Nova Zelândia e Israel.

Leia também: Tatuagem de flor é nova tendência; inspire-se com 22 ideias

Se ainda assim você quer se arriscar e fazer uma tatuagem com cinzas , é preciso ficar atento, pois mesmo com a esterilização, o Ministério da Saúde canadense diz que o procedimento pode ser arriscado e não o recomenda.