Tamanho do texto

Está em busca do bronzeado perfeito? Veja quais são as dicas de especialistas para usar o autobronzeador sem erro e entrar no clima do verão

Se você é uma  dessas pessoas que espera ansiosamente pelo momento de pegar aquele bronzeado durante o período mais quente do ano, fique sabendo que existem meios, como os autobronzeadores, que podem ajudar na hora de ficar da cor do verão, mas sem precisar ficar horas debaixo do sol.

Leia também: Projeto verão - como eliminar de vez o açúcar de sua vida e emagrecer

Os autobronzeadores podem ser úteis na hora de ficar com a pele da cor do verão sem precisar ficar horas debaixo do sol
Pexels
Os autobronzeadores podem ser úteis na hora de ficar com a pele da cor do verão sem precisar ficar horas debaixo do sol



A Dra. Karla Assed, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da American Academy of Dermatology, indica os autobronzeadores como uma forma de conseguir a cor que deseja antes mesmo de chegar à praia. "Os autobronzeadores evoluíram muito e agora deixam um efeito natural, sabendo escolher bem o produto e aplicar."

Ela explica que esses produtos possuem um princípio ativo chamado dihidroxiacetona, que interage quimicamente com a queratina presente na pele e forma o pigmento escuro que deixa o bronzeado. "Essa substância reage com as proteínas da camada superficial da pele, resultando na produção de melanoidinas — que são os pigmentos que dão a cor dourada à pele", complementa.

De acordo com a especialista, o ideal é aplicar o autobronzeador na pele seca e limpa e, depois é preciso espalhar de modo uniforme por todo o corpo. Assim, evita ficar com tonalidades diferentes. "É necessário ter cuidado com áreas de dobras e de proeminência óssea, como cotovelo, joelho, assim como região palmo plantar", indica Karla.

Para não ter erro na hora da aplicação, a dermatologista também dá algumas dicas. Antes de aplicar o produto, ela recomenda retirar qualquer tipo de acessório, tomar banho, secar muito bem a pele, sem deixa-la úmida e fazer uma esfoliação corporal. Para um efeito melhor, use biquíni na hora de aplicar o produto. 

Depois, é preciso lavar bem as mãos, para que as palmas das mãos não fiquem amareladas. Caso prefira, use luvas durante a aplicação. As outras recomendações para depois de aplicar o autobronzeador incluem não vestir roupas durante 20 minutos, não fazer exercícios que façam suar até quatro horas e só tomar banho depois de oito horas.

E se o seu desejo ainda inclui a marquinha de biquíni, tomar sol mesmo depois da aplicação do produto não é um problema. “Quando se pega um pouco de sol após a aplicação, o bronzeado dura mais e a coloração da pele fica mais bonita. Mas não esqueça de usar os filtros solares”, ressalta Karla.

Leia também: Como fazer para manter o bronze em dia no verão e arrasar? 

Massagem bronzeadora

Não quer aplicar o autobronzeador sozinha? Calma! Também existe um jeito de te ajudar nessa hora: as massagens bronzeadoras. A fisioterapeuta dermatofuncional Dra. Fabiola Fortunato afirma que esse procedimento associa os benefícios da massagem relaxante à aplicação dos autobronzeadores.

"A grande vantagem é que ao mesmo tempo que é possível relaxar, diminuir a tensão muscular, melhorando a parte circulatória e o fluxo linfático, aplicamos o produto autobronzeador de uma maneira uniforme", explica a especialista. 

"Outro grande benefício da massagem é que ao promover a ativação da circulação periférica, se aumenta a permeação do autobronzeador, favorecendo ação do produto de uma forma mais rápida e uniforme." Ela também explica que existem benefícios para a pele, já que promove uma hidratação profunda.

Fabiola conta que, antes do procedimento, é aplicado um pré-peeling através de uma luva esfoliante. "O produto pré-peeling é utilizado para promover a esfoliação com objetivo de remover parte das células mortas e aumentar a permeação do autobronzeador que vem em seguida." Em seguida, o autobronzeador é aplicado com os movimentos da massagem.

Para realizar o procedimento, também é preciso lembrar de alguns fatores importantes. "O principal é vir à aplicação com uma roupa bem larga para não ter atrito na região da aplicação do autobronzeador e não remover o produto", indica a profissional. Além disso, ela ainda recomenda permanecer com esse produto por 8 horas para manter a reação da pele e promover o bronzeamento e não tomar banho, não usar sauna ou piscina durante esse preríodo de tempo.

A duração de um procedimento como esse é de sete a 10 dias. Depois de uma semana, a massagem pode ser reaplicada. "A manutenção em casa, para uma duração maior, é hidratar muito bem a pele", recomenda a fisioterapeuta dermatofuncional.

Cuidados com a pele

Mesmo sabedo de tudo isso, é importante lembrar que os cuidados com a pele ainda são essenciais. Por isso, não esqueça de usar protetor solar sempre que sair de casa e de beber pelo menos dois litros de água por dia! Segundo a Dra. Fabiola Fortunato, o corpo sofre uma desidratação sistêmica por conta da alta temperatura, inclusive da pele.

"Uma pele desidratada é uma pele que perde suas defesas naturais. A desidratação da pele gera um envelhecimento precoce e uma fragilidade que demanda hidratá-la muito bem com ativos que não geram oleosidade, por isso recomendo hidratantes em sérum e filtro solar de toque seco", diz. 

Além desses cuidados básicos, a Dra. Karla Assed também indica limpar sempre a pele antes de aplicar o filtro solar e nunca dormir sem higienizar a pele do rosto. 

Para saber qual tipo de protetor solar é mais indicado para você, verifique o fator de proteção de cada um deles. "O produto indicado varia de acordo com cada tipo de pele. Por exemplo, em uma pele mais seca o ideal é o filtro em creme, já em uma pele mais oleosa os protores em gel são melhores e para o corpo o melhor é em spray, pois é mais fácil de aplicar", explica a dermatologista.

Leia também: Maquiagem no verão? Pode sim! Veja truques para não derreter

E se você é fã de procedimentos estéticos, também é preciso ter cautela. "Tenha cuidado ao esfoliar a pele e ir para o sol, porque pode causar queimaduras e manchas", aconselha. "Os procedimentos mais agressivos, que deixam a pele mais irritada e sensível também devem ser evitados." 

Já depois do verão, é hora de devolver o brilho da pele e remover as manchas. Por isso, todo o tipo de tratamento é válido, desde limpezas, até procedimentos que promovem a hidratação e o rejuvenescimento da pele. E quem sabe, prolongar o uso dos autobronzeadores também pode ajudar na hora de manter a cor mesmo nas outras estações do ano. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.