Claire O’Connor, de 35 anos, já trabalhava fazendo faxina em um hotel - usando roupas - antes de abrir um negócio próprio, o "Fantasy Clean". Nesse serviço de limpeza, ela oferece a opção de limpar a casa dos clientes estando completamente nua por 95 libras esterlinas por hora (R$ 540). Outras alternativas incluem topless por 85 libras (R$ 483) e de lingerie ou usando uma fantasia de empregada francesa por 75 libras (R$ 426).  

Leia também: "Sugar baby" tem cinco "daddies" e recebe R$ 1,7 mil por encontro

Claire arrow-options
Reprodução/KentOnline
Claire já trabalhava com serviço de limpeza antes de decidir começar o 'Fantasy Celan'

A mulher, que é casada e vive em Kent, Inglaterra, com o marido e três filhos, afirma ao portal local  Kent Online  que o serviço de faxina  ainda "está nos estágios iniciais", mas que se tornou uma chance para ela "tentar algo diferente". "Pensei que alguém gostaria desse tipo de trabalho", diz. 

"Eu sou muito extrovertida, não sou o tipo de pessoa tímida. Pode ser um pouco estranho nas primeiras vezes, mas quanto mais eu conhecer o cliente, mas será confortável. Será mais uma limpeza doméstica, com uma faxineira e um cliente na casa e não inclui a parte externa, claro", explica.

Segundo ela, o serviço de limpeza é algo mais "visual", já que também não inclui toques, fotos ou "serviços extras", como Claire diz. "Não terá nenhuma 'gracinha', apenas fazer o trabalho e ir embora", comenta. 

Leia também: Estudante é casada com homem 25 anos mais velho: "Melhor sexo da minha vida"

O marido dela, Rob, de 39 anos, a apoia em levar a ideia do serviço de faxina  para frente. "Ele está de acordo e está bem com isso. Ele sabe o tipo de pessoa que eu sou e que eu sou um pouco doida", completa. Com a divulgação nas redes e nos jornais locais, ela espera agora que o negócio decole e ela consiga os primeiros clientes. 

    Veja Também

      Mostrar mais