Uma mulher de 25 anos, moradora da cidade de Weston, na Inglaterra, desabafou sobre o sentimento de humilhação ao ter o seu marido, de 45 anos, frequentemente confundido com seu pai . De acordo com Elen Bride, que é mãe de um bebê de dois anos, a gafe era comum até mesmo entre os profissionais de saúde que auxiliaram na gestação .

casal abraçado em campo aberto, com gramado ao fundo
Reprodução/Daily Mail
Juntos há três anos, casal recebe olhares estranhos na rua

Juntos há três anos, o casal diz que sempre recebeu olhares estranhos de pessoas na rua devido a diferença de idade . Paul Korb, o marido, conta que a situação mais grave foi quando, no velório do seu próprio pai, uma pessoa de sua família confundiu Helen com a sua filha. Paul é pai de uma moça seis anos mais nova que a atual esposa

“Ela me disse o quanto lamentava que eu tivesse perdido o meu avô”, conta Helen ao Daily Mail . “Após corrigi-la, fiz questão de beijar Paul várias vezes em público para que seus amigos e familiares soubessem que eu era sua noiva ”, diz. 

Outro momento difícil na vida do casal foi quando a mulher apresentou Paul, na época ainda seu namorado, à mãe, uma dona de casa de 59 anos. “No momento que abriu a porta ela ficou paralisada, como se tivesse enxergado um fantasma”. Helen diz que antes do encontro já havia avisado sobre a diferença de idade, mas não conseguiu evitar o choque. 

Apesar da diferença, porém, Helen diz que Paul é o “amor de sua vida” e que continuará ignorando os comentários maldosos. “Nunca fez diferença para mim porque o que eu amo, na verdade, é a pessoa que ele é”, conta. 

O casal se conheceu em 2016 num clube de tiro do qual ambos participavam. O hobby, compartilhado até hoje, permitiu que trocassem números de telefone e continuassem a se falar todos os dias, ignorando a diferença de idade .

Leia mais: Amor falso? Casal com 40 anos de diferença é criticado por familiares

Apenas três semanas após o início do namoro, Helen mudou-se de Bristol, onde morava, para a cidade Paul, onde vivem até hoje. “Nós sabemos que foi rápido, mas não ligamos”, diz ela. 


    Veja Também

      Mostrar mais