Tamanho do texto

Leitora passou pela situação durante o sexo e sexóloga orienta para solução

Imagine a cena: você está na cama com o seu parceiro durante a relação sexual em uma posição por cima dele e, de repente, você solta um pum. Isso mesmo, gases intestinais durante o sexo. A situação fica estranha, o clima termina e nenhum dos dois sabe muito bem como agir. Constrangedor, não?

Sexóloga explica que gases intestinais durante a relação sexual não é algo tão comum e pode ter relação nutricional
shutterstock
Sexóloga explica que gases intestinais durante a relação sexual não é algo tão comum e pode ter relação nutricional

O episódio descrito aconteceu com uma leitora do Delas e ela quer saber: gases intestinais na hora do sexo são comuns? Conversamos com Nelly Kobayashi, sexóloga e parceira da Innuendo, para desvendar a questão e ajudar a leitora a solucionar o problema.

“Com exceção do sexo anal , desconheço qualquer posição ou situação sexual que possa causar aumento dos gases do intestino”, explica Nelly. De acordo com a sexóloga, o problema está muito mais ligado às questões intestinais do que com o sexo em si. “O problema com os gases não é, então, específico da relação sexual e, sim, algo que afeta a vida da leitora como um todo”, completa.

Nesse caso, Nelly orienta uma consulta com um nutricionista para resolver a questão dos gases como um todo e, consequentemente, melhorar a questão sexual. “Com certeza atividade física, alimentação saudável e sono regular vão ajudar”, recomenda.

Em um primeiro momento, se os gases são algo frequente na sua vida, você pode evitar comer alimentos que aumentam a flatulência antes de ter relações sexuais. Esses são os principais alimentos que devem ser evitados:

  • Lactose
  • Alimentos ricos em frutose: cebola, pera, trigo, refrigerantes, alcachofra
  • Vegetais verdes
  • Leguminosas: ervilha, feijão, lentilha, grão-de-bico

Além disso, apesar de nenhuma posição sexual ser responsável pelo aumento dos gases , você pode evitar aquelas que causam pressão na região abdominal, como o clássico papai e mamãe. Aproveite a situação para inovar nas posições e apostar naquelas em que você fica com a barriga mais livre.

E claro, não se preocupe! Apesar de não ser algo muito agradável, situações como essa acontecem bem mais do que imaginamos. Afinal, são questões do corpo humano! O que você pode fazer é adotar hábitos saudáveis, escolher novas posições e, caso aconteça novamente, levar o fato com naturalidade. Agir naturalmente diante de algo assim pode contribuir ainda mais para a relação do casal e fortalecimento da intimidade.

Gases intestinais x pum vaginal

Tanto no caso de gases intestinais quanto pum vaginal o segredo está em encarar a situação com descontração
shutterstock
Tanto no caso de gases intestinais quanto pum vaginal o segredo está em encarar a situação com descontração

Assim como pode acontecer de passar por uma situação onde flatos intestinais interrompem a relação sexual, algumas mulheres podem vivenciar o chamado pum vaginal, que acontece devido ao entra e sai do pênis na vagina. Por conta do movimento, o ar pode se instalar dentro da vagina e, quando o órgão masculino sai, o ar sai também, causando um barulho de pum.

Por ser algo natural da relação sexual, todas as mulheres estão sujeitas a passar pela situação. No entanto, Nelly explica que quando a musculatura do períneo está mais fraca, as chances de enfrentar o pum vaginal são mais altas. Se os flatos vaginais forem algo bastante frequentes nas suas relações sexuais, é hora de ficar atenta. 

“Nesse caso, a paciente deve passar por uma avaliação ginecológica”, explica a sexóloga. Segundo Nelly, em alguns casos será necessário fazer fisioterapia para fortalecer a região e, em casos mais graves, principalmente após o parto normal, cirurgia.

É importante entender que os gases do intestino e o pum vaginal são duas coisas diferentes que ocorrem por motivos distintos. Por isso é importante estar sempre atenta a forma como o seu corpo reage durante o sexo, entendendo os sons, cheiros e possíveis causas do que acontece ali. E lembre-se: levar o fato na brincadeira é a melhor forma de lidar com a situação na cama!

Tem alguma dúvida sobre sexo, sexualidade ou até mesmo posições sexuais? Faça como a leitora que nos mandou o questionamento sobre gases intestinais durante o sexo e entre em contato conosco pelo email sexo@igcorp.com.br . Nós traremos uma especialista para respondê-la com sigilo total!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.