Tamanho do texto

Leitora do Delas estava com dúvidas sobre a prática do oral, e especialista alerta que o ato também transmite Infecções Sexualmente Transmissíveis

Quando um casal dá início à vida sexual , uma das opções de prazer é o sexo oral. Porém, diferentemente do que muita gente pensa, o ato também transmite ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). Sendo assim, é essencial aprender a como fazer sexo oral com segurança.

Além de saber como fazer sexo oral da forma mais prazerosa, casais precisam entender que o ato também transmite ISTs
Shutterstock
Além de saber como fazer sexo oral da forma mais prazerosa, casais precisam entender que o ato também transmite ISTs

Quem estava com dúvidas sobre como fazer sexo oral era uma de nossas leitoras, que nos enviou um e-mail perguntando se quando um homem pratica o oral na parceira também pode transmitir qualquer IST.

Segundo a ginecologista e sexóloga Nelly Kim Kobayashi, é possível, sim, contrair uma infecção por meio do sexo oral e também transmitir para o parceiro sexual porque muitas ISTs são adquiridas através do contato entre mucosas, tecidos que revestem órgãos ou cavidades úmidas do corpo.

“Essas regiões apresentam secreções onde os microrganismos podem estar presentes em grande quantidade”, afirma a especialista. Por conta disso, os especialistas indicam o uso de um método de barreira, como a camisinha.

“Apesar de ser recomendado, sua eficácia, no entanto, não é bem estabelecida, pois sabe-se que alguns patógenos podem ser transmitidos mesmo com seu uso. Além disso, deve-se sempre estar com a saúde bucal em dia. Quando se tem infecções dentárias, a chance de contrair doenças durante o sexo oral  aumenta.”

Nelly orienta também evitar a prática quando houver algum tipo de ferida no genital ou na boca, como aftas ou herpes labial, já que essas lesões podem ser porta de entrada para o patógeno. “Por último, lembrar de checar se a vacinação está em dia. E se indicado, pensar na possibilidade da vacinação contra o vírus HPV (papiloma vírus), que nem sempre é realizada gratuitamente.”

Há como fazer sexo oral com segurança?

Não existe uma fórmula exata de como fazer sexo oral com segurança, mas o indicado é cuidar da saúde bucal
Shutterstock
Não existe uma fórmula exata de como fazer sexo oral com segurança, mas o indicado é cuidar da saúde bucal

Para Nelly, existe o mito de que o sexo oral é seguro, não apresentando risco de contrair uma IST. Para a especialista, esse risco existe mesmo que não ocorra ejaculação dentro da boca, já que muitos patógenos podem estar presentes nas mucosas, por isso a necessidade de um método de barreira .

“Há também quem pense que não seja adequado escovar os dentes antes do sexo oral, mas esta é uma ideia sem fundamento. É sempre importante manter a higiene bucal adequadamente. No caso de sangramento gengival após a escovação, pode ser um sinal de gengivite. Por isso, o sexo oral deve ser evitado e sugere-se procurar o dentista.”

Tem dúvidas sobre sexo, sexualidade ou como fazer sexo oral ? Entre em contato conosco pelo email sexo@igcorp.com.br . Nós traremos uma especialista para respondê-la com sigilo total!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.