Tamanho do texto

Adaya achou que Michael estava sentado em seu assento durante um voo. A confusão resultou numa conversa de horas - hoje os dois moram juntos

Nunca se sabe quando você pode acabar conhecendo o amor da sua vida, certo? A história de amor entre Adaya Cohen e Michael Hoffman foi uma dessas improváveis: eles se conheceram durante uma confusão de troca de assentos durante um voo internacional .

A história de amor entre Adaya e Michael começou num voo de Londres para Tel-Aviv, com uma troca de assentos
Reprodução
A história de amor entre Adaya e Michael começou num voo de Londres para Tel-Aviv, com uma troca de assentos


Adaya, israelense, e Michael, um norte-americano que estava vivendo em Tel-Aviv, capital do país do Oriente Médio, estavam num voo de Londres para Tel-Aviv quando a história de amor começou. Adaya foi quem fez contato com Michael, pois acreditou que ele estava sentado no assento dela.

Após uma breve discussão em que os dois discutiram por conta do assento, Adaya se deu conta de que ela estava equivocada: acreditando que sentaria na janela, onde estava Michael, ela, na verdade, estava alocada no assento do corredor da fileira.

Leia também: Após filhos pequenos terem 'ataque' em voo, mãe recebe ajuda de desconhecido

Ela pediu desculpas pela confusão e os dois começaram a conversar. A conversa estava tão boa e durando tanto que o passageiro que estava no assento entre eles até se ofereceu para mudar de lugar para que os dois ficassem mais à vontade.

Desfecho da história de amor

A história de amor entre Adaya e Michael tem final feliz, pois hoje os dois moram juntos em Londres
Reprodução
A história de amor entre Adaya e Michael tem final feliz, pois hoje os dois moram juntos em Londres


Chegando em Tel-Aviv, tudo indicava que Michael e Adaya iriam cada um para o seu lado. Entretanto, cinco horas depois de pousar, Michael, que não parava de pensar na jovem que seria sua namorada, decidiu procurá-la nas redes sociais e chamá-la para sair.

“Senti que tínhamos muito em comum. Pareceu que eu o conhecia fazia muito mais do que só cinco horas [tempo de duração do voo]. Por isso fiquei meio decepcionada quando ele não pediu meu número antes de pousarmos. Achei que ele não estivesse tão interessado assim ou que ele tinha uma namorada. Quando recebi a mensagem alguns dias depois, aceitei sair com ele na mesma hora”, relembra Adaya em entrevista ao tabloide britânico “Daily Mail”.

Na entrevista, Michael explicou: “Eu realmente queria chamá-la para sair, mas fiquei com receio de ela se sentir numa armadilha. Quando você está num avião, não tem muito para onde ir caso fique desconfortável. Não queria colocá-la nessa posição em que ela não se sentiria confortável para me dizer “não”, caso não quisesse sair comigo”.

Ele, no entanto, se arrependeu de não tê-la chamado para um encontro ainda durante o voo. Como tinham alguns amigos em comum , foi fácil para ele encontrar Adaya no Facebook e a história de amor acabou tendo um final feliz: o casal completou três anos de namoro e agora mora junto num apartamento em Londres.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.