Tamanho do texto

Com a pergunta "quanto tempo você gostaria que o sexo durasse?", site de namoro viu que a vontade está longe do que acontece na realidade

O resultado de uma pesquisa realizada pelo site de namoro "Saucydates" pode ser uma decepção para a vida real. Os pesquisadores entrevistaram 3.836 pessoas de diversos países do mundo e fizeram a eles a seguinte pergunta: "quanto tempo você gostaria que o sexo durasse?". As respostas foram uma média de 25 minutos e 51 segundos para as mulheres, enquanto os homens gostariam de ter uma relação sexual durante 25 minutos e 43 segundos. E isso sem contar as preliminares. 

Leia também: 5 dicas para retardar a ejaculação do parceiro e fazer o sexo durar mais

O tempo médio de uma relação sexual idealizado tanto pelas mulheres quanto por homens é de quase 26 minutos
shutterstock
O tempo médio de uma relação sexual idealizado tanto pelas mulheres quanto por homens é de quase 26 minutos


Entretanto, parece que não é isso que acontece na realidade. Embora ambos os sexos gostem de aproveitar aproximadamente a mesma quantidade de tempo durante a relação sexual , a maioria vai ficar decepcionada com os números do dia a dia. Analisando os primeiros resultados, os cientistas também descobriram que a média de um homem de qualquer país e de qualquer idade não consegue chegar nem perto da duração idealizada.

Leia também: Veja 3 ideias para mudar de posição e prolongar a relação sexual

Expectativa x realidade

Entre os países pesquisados estão os Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Austrália e Índia. Curiosamente, em todos foi possível verificar uma tendência notável na duração do sexo, aumentando com a idade, tendo um ápice entre os 20 e 30 anos e, depois, diminuindo novamente.

O país com o melhor tempo de performance foi os EUA, no qual homens de 31 anos conseguem manter relações durante 17 minutos e cinco segundos. Enquanto isso, os homens indianos foram os que mantiveram menor tempo no ranking, com 15 minutos e 15 segundos. Assim, a média internacional é considerada, mais ou menos, 16 minutos e os homens são mais propensos a atingir esse pico aos 30 e poucos anos. 

Leia também: Veja 4 dicas de como fazer o parceiro ter orgasmos mais intensos

Geralmente, o tempo do sexo para casais heterossexuais é medido do momento em que há penetração até a hora em que o homem ejacula. E além da diferença do que é apontado como ideal para uma relação e o que acontece na realidade, muitas transas não têm um final feliz. Um estudo promovido pela revendedora britânica de brinquedos eróticos Lovehoney afirmou que 75% dos homens dizem gozar em todas as relações, quando se trata das mulheres, a porcentagem cai para apenas 28%. Frustração dupla! 

Como mudar esses números?

Há, porém, algumas técnicas que podem ajudar tanto homens quanto mulheres a chegarem ao tempo considerado “ideal” e também a atingirem o orgasmo. Para eles, dar uma pausa durante o sexo ao mudar de posição e adotar a técnica do “edging” (chegar ao limite da excitação e impedir que o orgasmo aconteça) são táticas que podem fazer com que a ejaculação demore mais. Já investir nas preliminares, sexo oral, estimulação genital e beijos profundos são dicas para fazer com que elas gozem durante a relação sexual.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.