Tamanho do texto

Quando se está em relacionamento sério, dar detalhes sobre a intimidade do casal é algo que pode constranger a pessoa que você tanto ama

Sair com as amigas e colocar o papo em dia é tudo de bom. Trabalho, relacionamento, filhos, sonhos... são tantos assuntos que se tem para compartilhar, mas querendo ou não sempre tem um tema que costuma render: sexo! Claro que isso não deve ser tabu, no entanto será que é bom dar detalhes íntimos da vida sexual para outras pessoas?

Leia também: Pega, mas não se apega! 6 coisas que você deve evitar no sexo casual

Falar sobre a vida sexual para as amigas pode ser uma forma de expor o parceiro
shutterstock
Falar sobre a vida sexual para as amigas pode ser uma forma de expor o parceiro


Na fase da adolescência, os hormônios estão a flor da pele e como o sexo, amor e relacionamento são novidades é comum compartilhar as primeiras experiências da vida sexual . “Todos estão animados e energizados com essas novas experiências, e por causa da imaturidade, é comum conta rtudo”, afirma a escritora Jackie Pilossoph em artigo ao portal “Huffington Post”.

Caso sério ou indefinido?

Para a especialista, quando se trata de um relacionamento casual é natural falar apenas do sexo para as amigas, pois a relação costuma se resumir a isso. E quando você se apaixona, as “regras” do que se pode contar mudam? Segundo Jackie, claro que sim! Ela explica que expondo a intimidade, consequentemente você acaba expondo o parceiro que ama.

O relacionamento deve ser construído nos detalhes e os momentos íntimos devem ficar apenas entre o casal, assim a relação se torna algo mais profundo e significativo. “Compartilhar sua vida sexual é desrespeitoso com a outra pessoa. Como você acha que o parceiro se sentiria se soubesse que você estava discutindo detalhes íntimos de vocês?”, indaga Jackie.

Leia também: Estou dividida entre minha melhor amiga e meu namorado

Sem dúvidas, é vergonhoso saber que alguém que você confia está falando para outras pessoas sobre o desemprenho que você tem na cama. Ah, não precisa ser radical e simplesmente não tocar no assunto, às vezes é preciso desabafar, mas evite contar os detalhes sórdidos do momento a dois.

Saber o que compartilhar

Falar das escapadas que tiveram no elevador, as posições sexuais diferentes que experimentaram e fazer algum tipo de avaliação do cara na cama são alguns dos assuntos que você deve evitar (e ele também quando estiver na roda de amigos).

Além de serem coisas que normalmente as pessoas não querem ouvir, quando as suas amigas encontrarem vocês juntos, provavelmente elas vão olhar para ele e se lembrar da conversa que tiveram (quem nunca?).

Leia também: Educação sexual: quando começar a falar sobre o tema com os filhos?

A escritora ressalta que há tipos de coisas que os verdadeiros amigos querem ouvir, como saber se você está curtindo a vida, se o relacionamento anda bem e se está se sentindo amada e feliz. Percebeu que em boa parte dos assuntos o sexo já está implícito? Ou seja, compartilhe o que quiser, mas deixe os detalhes da vida sexual de lado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.