Tamanho do texto

Homem consegue fingir orgasmo? Masturbação causa os mesmos efeitos que o sexo? O casal precisa chegar ao clímax juntos? Descubra isso e muito mais

Quando falamos sobre sexo, muitas pessoas acham que dominam tudo (sabem de nada inocentes!). Sempre é preciso buscar novas informações, já que é fundamental aprender coisas novas para conhecer o próprio corpo e as formas de ter prazer. Fora que também é um jeito de abrir espaço para conversar com o parceiro e sair da tão chata rotina.

Sabe tudo sobre sexo? Há algumas coisas que poucas pessoas desconfiam
shutterstock
Sabe tudo sobre sexo? Há algumas coisas que poucas pessoas desconfiam


Leia também: Cuidados com as partes íntimas: o que não fazer depois do sexo

Sendo novata ou veterana no assunto, existem algumas dúvidas que sempre rondam o pensamento das mulheres. Se você ainda acha que conhece tudo sobre sexo , pode acabar mudando de opinião após ver essas seis coisas que estão relacionadas ao prazer e que poucas pessoas desconfiam.

1. Os homens também podem fingir orgasmos

É comum que muitas mulheres finjam que chegaram ao ápice do prazer, pois o orgasmo feminino não tem a ejaculação tão evidente quanto o masculino. Porém, de acordo com o portal britânico “Daily Star”, um estudo recente descobriu que cerca de 28% dos homens já fingiram um orgasmo. É minha amiga, pode ser que o gato já tenha te enganado na cama. 

2. Há uma coisa que você nunca deve dizer logo após o sexo

Se você está tendo relações sexuais com um novo parceiro, você nunca deve soltar um “eu te amo” logo após o sexo. Sabe por quê? Esse é um dos maiores arrependimentos relatados por homens e mulheres. Eles contam que só disseram isso por estar em um momento de relaxamento após a relação, ou seja, as palavras não foram verdadeiras.

3. Se tiver de manhã, costuma repetir à noite

Se você fizer sexo pela manhã , é mais provável que também tenha outra relação sexual à noite. Um estudo mostrou que o casal fica todo animadinho quando transa logo que acorda e passa o dia todo mandando mensagens carinhosas (ou picantes) um para o outro. Bom, isso ajuda a elevar o humor do casal e a vontade de repetir a dose à noite aumenta.

via GIPHY


4. Não se preocupe com o clímax juntos

É claro que o sexo deve ser prazeroso para ambos, mas cada corpo é estimulado de uma forma diferente, por isso, os dois não precisam chegar ao orgasmo ao mesmo tempo. Um estudo recente identificou que os casais que tentam chegar ao clímax juntos estão mais propensos a ​​sair do clima e perder o momento de prazer.

5. As mulheres são tão excitadas quanto os homens

Sim, é um mito que "ficar excitado com facilidade" é uma exclusividade dos homens. Pesquisas mostram que as mulheres querem sexo tanto quanto os marmanjos. O que geralmente acontece é que as elas acabam acumulando mais tarefas que eles – trabalho, estudo, tarefas domésticas, filhos – e isso as deixam mais esgotadas. Isso é bem verdade, né?

6. Masturbação não é como sexo

Há um tabu chato sobre a  masturbação feminina e muitos falam que não é algo prazeroso. Na realidade, assim como o homem, a mulher não vai se sentir tão bem quanto se sente após o sexo e isso ocorre porque a quantidade de substâncias liberadas pelo corpo são diferentes. Ou seja, com o parceiro o corpo reage melhor, mas isso não significa que a masturbação não é prazerosa.

Leia também: Masturbação: uma forma também de sentir prazer a dois

E aí, você sabia tudo isso? O importante é sempre conversar sobre esse assunto, afinal de contas quem não gosta de saber mais sobre sexo?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.