Tamanho do texto

Está cansada de falta de delicadeza na hora de tocarem seus seios? Ela é desastrada ao fazer sexo oral? Especialista em sexualidade dá dicas de como mostrar isso ao parceiro ou à parceira sem ferir os sentimentos do outro

De acordo com uma pesquisa  realizada pelo Instituto do Casal (SP), 55,9% das pessoas consultadas afirmaram considerar a vida sexual ruim ou regular. Além de fatores como a diminuição na frequência das relações e as obrigações crescentes (trabalho, filhos, etc.), a especialista em sexualidade Pam Spurr afirma ao veículo britânico “The Sun” que é comum sentir incômodo com alguns hábitos alheios na cama.

Muitas pessoas estão infelizes com as habilidades do parceiro na cama e não sabem como dizer
Shuttersock
Muitas pessoas estão infelizes com as habilidades do parceiro na cama e não sabem como dizer

Segundo Pam, muitos sofrem em silêncio e inventam motivos para evitar o sexo ou fingem que estão gostando para não ferir os sentimentos do parceiro ou da parceira. Está cansado de lidar com alguém desastrado na cama ou que não tem as habilidades que você preza? Veja cinco dicas de mostrar a ele ou à ela sem precisar tocar no assunto.

1. Sugira um jogo erótico

Pam sugere que uma boa forma de tirar uma técnica da qual não se gosta da cabeça do parceiro ou da parceira é inserir uma nova. Para isso, um joguinho cai bem: a cada rodada, quem fala deve sugerir algo totalmente novo na relação. 

Leia também: Veja como resgatar o desejo sexual do começo do namoro

2. Mensagens quentes

Não tem coragem de sugerir brincadeiras diferentes pessoalmente? Sem problemas. Pam explica que mandar mensagens sugestivas antes de um encontro pode resolver a situação e funcionar muito bem.

3. “Compras de adulto”

Sex shops podem ser bons locais para deixar o companheiro ou a companheira saber sobre algo que se tem vontade de fazer. Pam aconselha sugerir uma visita a uma loja de produtos eróticos e mostrar à pessoa as coisas pelas quais você tem atração.

4. “Machuque-se” de mentirinha

Pam afirma que esta tática é para aqueles que estão desesperados e que têm muito medo de falar sobre o assunto. “Digamos que você odeie uma posição que a pessoa ama. Finja que distendeu um músculo e que, portanto, vocês precisam tentar outra posição porque a que ela gosta machuca”, ela aconselha. É a sua chance de ficar naquela posição que sempre quis tentar.

Leia também: Descubra as 13 coisas que elas odeiam na hora H

5. Mapa sonoro

De acordo com Pam, gemidos e ruídos durante o sexo podem servir para guiar a pessoa durante o ato. A especialista afirma que é uma boa ideia incentivar a pessoa com sons quando ela fizer algo que dá certo na cama.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.