Tamanho do texto

Com mudanças simples, Elane Schoenfeld conseguiu transformar sua vida

Durante a infância e a adolescência, a jornalista Elane Schoenfeld, de 44 anos, comia corretamente e fazia refeições saudáveis . Seus pais sempre a incentivaram a consumir carnes, legumes, verduras e frutas. Na época, ela raramente consumia lanches, biscoitos, refrigerantes e produtos industrializados e, por conta disso, perder peso não era uma de suas preocupações.

A jornalista Elane Schoenfeld chegou aos 106 kg e, em pouco mais de um ano, conseguiu perder peso e alcançar os 66 kg
Arquivo pessoal
A jornalista Elane Schoenfeld chegou aos 106 kg e, em pouco mais de um ano, conseguiu perder peso e alcançar os 66 kg

Ao chegar à fase adulta, no entanto, sua alimentação sofreu mudanças, principalmente após o casamento. A hora de perder peso se aproximava. “Por incrível que pareça, não engordei por comer doces e massas. O que me fez engordar foi o pão. Algo que eu comia desenfreadamente. Me considerava até uma especialista em pães. Tinha dia que eu chegava a comer seis”, conta.

Por conta da conexão com o alimento, Elane achava que jamais conseguiria abandoná-lo e excluí-lo do seu dia a dia. Entretanto, em janeiro de 2018, teve um alerta de que precisava mudar esse pensamento. Isso porque ela já estava com 106 kg, peso que não foi alcançado nem durante suas duas gestações.

Quem a ajudou a ver a realidade e a necessidade de eliminar uma certa quantidade de quilos foi seu filho caçula. “Uma criança de sete anos ficava me chamando atenção de como eu estava sem disposição e sem fôlego. Ele me jogava na cara mesmo e toda hora me perguntava quando eu iria emagrecer”, detalha.

Desde 2016, Elane já estava atrás disso, mas todas as tentativas não tiveram sucesso. “Cheguei a ir em uma nutricionista, assim como outras vezes, mas nunca seguia aquela rotina que os especialistas passavam, pois achava chato comer de três em três horas. Muitas vezes, me perguntava por que tinha que comer em determinado horário se não estava com fome. Então, mais uma vez, deixei a dieta de lado”, expõe.

Nesse período, ela já sabia que precisava emagrecer de forma saudável e prazerosa. Apesar de estar em uma rotina de exercícios físicos, a jornalista não via resultados por conta da alimentação, que ainda não estava adequada. “Não fechava a boca. Não comia corretamente. E nunca quis tomar remédio, pois sei que o emagrecimento é temporário e depois volta tudo em dobro”, afirma.

Em janeiro de 2017, Elane precisou passar por uma cirurgia e a médica responsável a proibiu de fazer atividade física por seis meses. “Aí foi o terror. Sem treinar, meu peso foi lá em cima. Foi quando cheguei aos 106 kg”, relata. E assim se manteve durante um ano, época em que decidiu que era hora de mudar.

Mudanças que a fizeram perder peso

Com as mudanças em sua rotina, a jornalista Elane conseguiu perder peso e, diante disso, ter um vida mais saudável
Reprodução/Instagram/myestilodevidalowcarb
Com as mudanças em sua rotina, a jornalista Elane conseguiu perder peso e, diante disso, ter um vida mais saudável

No começo de 2018, uma conhecida lhe falou sobre a  dieta low carb - que reduz o consumo de carboidrato, como é o caso do pão - e disse que havia uma turma de amigas no WhatsApp que também a praticavam. “Entrei no grupo e aprendei o que era, o que comer e o que não e, principalmente, que não tinha a obrigação de comer a cada três horas. Isso era bom demais”, esclarece.

Além das informações adquiridas por lá, Elane também passou a acompanhar um canal de um médico no Youtube e, assim, foi aprendendo cada vez mais sobre o assunto. “Fui fazendo minha alimentação e seguindo o que eu aprendia. Não passei fome, pois tem tanta coisa gostosa para comer. Além disso, também faço o jejum intermitente ”, relata.

A meta inicial era chegar aos 70 kg. Em pouco mais de um ano, conseguiu emagrecer 40 kg. Atualmente, ela está com 66 kg. “Fiz exames há pouco tempo. Fazia anos que nada entrava na normalidade. Colesterol, glicemia e triglicérides estavam sempre altos. Agora, já estão normalizados. A low carb me devolveu uma vida saudável”, diz.

A jornalista também continua forte sua rotina de atividades físicas, de segunda a sábado, alternando entre cardio, musculação e corrida. “Faço tudo isso acompanhado por um profissional que monta todo meu treino mês a mês. Hoje, os resultados da academia estão aparecendo, inclusive com o ganho de massa magra”, conta.

Em sua rotina, deixou de consumir itens industrializados, açúcar, frutas ricas em frutose, refrigerantes e farinhas brancas. No começo, fazia pão com farinha de amêndoas, mas já o deixou de lado. Ela relata que, se consome esses alimentos, seu organismo os rejeita e, como consequência, fica com forte dor de cabeça, diarreia e vômito. Por conta disso, prefere mantê-los longe.

Emagrecimento trouxe resultados positivos na vida pessoal e profissional

Após perder peso e eliminar 40 kg, Elane conta que está inspirando outras pessoas que também precisam emagrecer
Reprodução/Instagram/myestilodevidalowcarb
Após perder peso e eliminar 40 kg, Elane conta que está inspirando outras pessoas que também precisam emagrecer

Elane explica que todas essas mudanças foram positivas e a transformaram em outra pessoa em todos os sentidos. “Ganhei qualidade de vida e tenho fôlego para correr todos os dias. Enfim, nasci novamente. Rejuvenesci totalmente. Em junho [de 2019], farei 45 anos e me sinto como se tivesse 30. Fisicamente e esteticamente”, garante.

Depois de cumprir sua primeira meta, o objetivo, agora, é alcançar os 62 kg na balança. “Ainda quero emagrecer uns 4 kg para ficar um pouco mais leve para as corridas que tenho que fazer este ano, pois, desde o ano passado, faço provas de rua e quero fechar o ano correndo a São Silvestre. É um sonho que tenho desde criança”, fundamenta.

A jornalista ainda criou um Instagram para compartilhar detalhes da sua rotina – e inspirar outras pessoas com a sua história. “Sei que tenho influenciado muita gente a mudar de vida e isso me deixa muito feliz. Cada um que chega e me chama por mensagem privada falando que mudou ao  me ver como inspiração é mais uma vitória para mim”, ressalta.

Por fim, Elane conta que low carb deixou de ser apenas uma dieta e se tornou um estilo de vida – fator que a ajudou a perder peso . “Me apaixonei tanto por comer corretamente e se alimentar de forma saudável que, depois de 24 anos trabalhando como jornalista, prestei vestibular e vou começar a cursar Nutrição”, comemora.