Tamanho do texto

A rede social de fotos pode servir tanto de inspiração para seguir uma alimentação saudável como uma forma de evitar deslizes na dieta

As redes sociais fazem parte de sua vida para compartilhar os bons momentos, manter contato com os amigos ou reencontrar aquele velho conhecido que não via há tempos. E com algumas dicas, essas ferramentas tão presentes em nosso dia a dia podem até ajudar a ter uma vida mais saudável e achar um tática, por exemplo, de como emagrecer e entrar em forma. 

Leia também: Página reúne "antes e depois" de usuários do Instagram e inspira vida fitness

Postar fotos e seguir perfis no Instagram pode ser uma ajuda e tanto na missão de descobrir como emagrecer
shutterstock
Postar fotos e seguir perfis no Instagram pode ser uma ajuda e tanto na missão de descobrir como emagrecer

Recentemente, a rede de TV americana "CNN" publicou em seu site uma reportagem que mostra como emagrecer usando o Instagram . A rede social de fotos pode servir tanto como uma inspiração para quem busca um estilo mais saudável como também uma forma de se policiar e evitar deslizes na dieta. 

Benefícios da "dieta do Instagram"

Christina Chung é uma especialista no assunto. Ela faz doutorado na Universidade de Washington, nos Estados Unidos, e estuda como mulheres usam a rede social de fotos para compartilhar o que comem e quais os benefícios disso. À "CNN", ela defende o uso da plataforma de fotos. "Com o Instagram você pode ter uma parte separada de sua vida dedicada a um diário de comida", comenta. Em outra rede, ou até outro perfil, é possível manter a rotina de posts para amigos, familiares ou até aquele vizinho que adora fotos de férias ou cachorro. 

Sem contar que, como ressalta Christina, fazer um diário com fotos para se ter um controle do que come é mais divertido do que preencher informações em aplicativos de dieta ou ter de anotar todos os ingredientes que usou naquela refeição em um caderninho. 

E em tempos em que praticamente todos tem um celular com câmera e internet, isso também não fará de você um estranho no ninho. "É até socialmente aceitável que aqueles que estão fazendo um diário alimentar fotografem a comida mesmo quando estão com os amigos. Muita gente faz isso, então você não parecerá estranha", brinca Christina. 

Assim como você, milhares de pessoas fotografam seus pratos para postar nas redes sociais
shutterstock
Assim como você, milhares de pessoas fotografam seus pratos para postar nas redes sociais


Ela ainda conta que os alunos da universidade concordam e também dizem que a ferramenta ajuda a seguir firme na dieta. "Antes usava aplicativo para controlar a alimentação e, se comia uma pequena porção de chips de batata, pensava: 'Nem vou anotar isso, é uma porção tão pequena'. Mas agora com o Instagram, tirando fotos, aquilo vira algo real. Ter uma imagem do que estou comendo me ajuda a ser mais honesta comigo e com a minha dieta", diz uma das estudantes e voluntária da pesquisa de Christina. 

Milhares de vigias e apoiadores

A rede social ajuda a manter a linha, mas também é preciso estar ciente da exposição e isso inclui o fato de poder ser vítimas de comentários, bons e ruins, principalmente se optar por uma conta aberta no Instagram. Seguidores podem não gostar do seu cardápio e fazer críticas, por exemplo. Uma dica é encarar isso como uma ajuda para a dieta. Se cometeu algum deslize sem perceber e isso foi apontado por um seguidor, tente aprender com isso. 

Ainda vale dar uma olhada de vez em quando no que está postando. Com isso, será fácil saber se, por exemplo, seguiu corretamente o cardápio nos últimos dias ou fugiu do foi proposto. 

Mas também prepare-se para coisas boas. Muitos blogueiros e influenciadores digitais dizem que compartilhar a vida nas redes sociais é gratificante graças ao retorno dos seguidores. Muitos são os elogios aos quilos eliminados, aos músculos conquistados e à mudança na alimentação. Em entrevista ao Delas nesta ano, a blogueira Ana Luiza Barbosa Mori, que comanda o perfil @eunaovisto38 no Instagram, falou sobre isso.

Para melhorar a alimentação dela e do marido e os dois emagrecerem, Ana Lu começou a seguir perfis fitness e de dieta na rede social. Com isso aprendeu receitas e mudou o cardápio. Hoje ela é uma dessas influenciadoras e já ultrapassou os 30 mil seguidores no Instagram. Ela afirma que saber que inspira pessoas é uma grande recompensa. "Já me pararam na rua para agradecer por ser uma inspiração. Esse é o melhor retorno que a gente poderia ter", disse a blogueira ao Delas.  Veja a história completa de Ana Lu. 

Como não cair em armadilhas na dieta do Instagram?

Para também ter sucesso em uma dieta que usa a rede social como ferrameta é preciso também ter cautela e tomar alguns cuidados. As receitas postadas por anônimas e famosas, por exemplo, são uma excelente forma de inspirar você a sair do sofá e partir para a cozinha ou deixar o delivery de lado e preparar a própria refeição. Mas quem vai fazer um cardápio ideal para sua rotina e objetivos não são as redes sociais e, sim, um profissional. Para entender como emagrecer de maneira saudável e efetiva é importante consultar um nutricionista e entender qual a alimentação adequada para você. Sabendo disso, fica até mais fácil usar as redes sociais como inspiração, pois você já saberá o que procurar e o que cabe ou não em sua dieta. 

Na mesma reportagem da "CNN" citada no início, a nutricionista e porta-voz da Academy of Nutrition and Dietetics, Angela Lemond, também lembra que é preciso cuidado com as porções ao se inspirar nas redes sociais para se alimentar. 

Leia também: Dicas para emagrecer - 12 alimentos que ajudam a perder peso

Uma regra básica para quem quer perder peso é ingerir menos calorias do que se gasta. Mas apenas olhando as fotos postadas nas redes é complicado precisar o quanto há de comida naquele prato e quais as calorias dele. "Aquela comida pode ter um excelente valor nutritivo, mas pode ser um excesso para seu plano alimentar e isso pode fazer você engordar", fala a especialista. Por exemplo, um suculento frango à parmegiana pode ser preparado com uma receita saudável e ingredientes frescos, mas qual a porção indicada desse alimentos? Quantas calorias há nesse prato?

Cuidado para não se enganar pelas fotos do Instagram
shutterstock
Cuidado para não se enganar pelas fotos do Instagram


Ao procurar receitas, a dica de Angela é optar por buscas específicas. Você pode usar as famosas hashtags para isso. "Se está querendo um prato de 200 calorias, pode procurar, por exemplo, por #200kcal", sugere a nutricionista. 

Quando fizer as suas próprias fotos, vale também colocar o tamanho a porção, pode ser na legenda. Assim será mais fácil relembrar o que ingeriu naquela semana, por exemplo, e notar como emagrecer com a alimentação correta. 

    Leia tudo sobre: instagram dieta