Recentemente uma máscara estampada com vários pênis viralizou na internet. A peça foi criada por uma terapeuta do estado de Utah, nos Estados Unidos, com intenção de evitar que pessoas se aproximem dela durante a pandemia de Covid-19 .

Leia também: Efeito Covid-19: aplicativos de relacionamento têm "boom" de usuários e acessos

Mindy Vincent%2C criadora da máscara com pênis arrow-options
Reprodução Twitter
Mindy Vincent, criadora da máscara com pênis

Leia também: Homem de 87 anos está curado da Covid-19 e emociona a web

"Quando alguém me disser que a minha máscara tem pênis desenhados nela, eu irei gentilmente informá-las que é maneira que encontrei para determinar se uma pessoa está perto de mais", escreveu Mindy Vincent no Twitter. A publicação teve centenas de curtidas e compartilhamentos na rede social.

Em entrevista ao Uol , a terapeuta declarou que está há um mês em isolamenteo social com a filha de 10 e o filho de 19. Os dois filhos também ganharam as máscaras, porém, ela ressalta. "A parte interna da máscara é preta, então eles não precisam usar a estampa com pênis caso não queiram". 

Leia também: Covid-19: mãe abraça filha enfermeira com lençol e emociona a web

Mindy é fundadora de uma organização de redução de danos que ajuda populações vulneráveis em Utah. Com o sucesso das máscaras, ela arrecadou US$ 50 mil - equivalente a R$ 260 mil. Pensando em ajudar no combate à Covid-19 , a organização irá doar máscaras - sem pênis - para pessoas em situação de rua.



    Veja Também

      Mostrar mais