Reunimos dicas práticas para ajudar as mães a reorganizar a rotina e lidar com os problemas mais comuns da época

De levantar da cama até o percurso à escola: ideias práticas para organizar o dia a dia
Arte iG
De levantar da cama até o percurso à escola: ideias práticas para organizar o dia a dia
>>> De volta à rotina

Os oito obstáculos da corrida matinal das mães
Seu filho demora para se vestir? Enrola para tomar café? Vença o atraso com as sugestões de mães e experts

Como lidar com o fim das férias
Pequenas atitudes práticas ajudam a criança a se adaptar depois do final dos dias de folga

Meu filho não quer voltar às aulas, e agora?
É natural que a criança estranhe a adequação de volta à rotina. Entenda como tornar esse caminho mais suave para ela


>>> Na escola

Como ajudar seu filho a se adaptar na nova escola
Novos colegas, lugar diferente, professores “inéditos”: entenda as ansiedades da criança e colabore

Trotes violentos: como lidar com o problema?
Seu filho é calouro universitário? Fique de olho nos sinais e saiba como ajudá-lo


>>> A hora do lanche

O lanche escolar ideal para seu filho
Na dúvida do que mandar na lancheira? Leia o que nutricionistas sugerem e imprima um cardápio saudável para três semanas

Lanche escolar indicado: porções equilibradas
Tricia Vieira / Fotoarena
Lanche escolar indicado: porções equilibradas


>>> O peso da mochila

Infográfico: saiba se o peso da mochila está correto
Contabilize o material da criança e descubra se a mochila está além do limite de peso recomendado


Lápis de cor: itens de papelaria chegam a custar, no atacado, 10% do preço no varejo
Getty Images
Lápis de cor: itens de papelaria chegam a custar, no atacado, 10% do preço no varejo
>>> Comprando o material

9 dicas para economizar nas compras de material escolar
Negociar com lojistas, fazer compras coletivas e definir limites com as crianças ajudam a gastar menos


>>> Fora da escola

Não sobrecarregue a agenda do seu filho
A volta às aulas também marca o período de matrícula em atividades extracurriculares. Mas quanto é demais?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.