Pode andar de avião durante a gestação?

Por iG São Paulo

Texto

A cabine pressurizada não oferece problemas, mas viagens prolongadas exigem um arsenal com meias elásticas e pausas para movimento

Stefan
Viagens de avião estão liberadas até o 8º mês
Grávidas podem viajar de avião normalmente até o 8º mês. As empresas de aviação só impedem o embarque de grávidas depois da 34ª semana porque é só a partir deste período que aumenta o risco da gestante entrar em trabalho de parto em pleno voo. Mas, pelo mesmo motivo, a ginecologista e obstetra Denise Coimbra, do serviço de reprodução humana da Escola Paulista de Medicina, desaconselha viagens aéreas já a partir do 7º mês.

Leia mais: Gravidez semana a semana

“Grávidas em situações especiais poderão embarcar, desde que apresentem atestado médico”, lembra o ginecologista Luiz Ferraz de Sampaio Neto, da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Sorocaba (PUC-SP). Ele explica que os voos em cabines pressurizadas não costumam trazer malefícios para a gestante, mas recomenda que em viagens muito prolongadas as futuras mamães façam o uso de meias elásticas e procurem se movimentar para evitar o risco de tromboembolismo.

Vale lembrar que alguns destinos, como países da África e Ásia, exigem vacinas que não são recomendadas durante a gestação.

Saiba tudo que a grávida pode ou não pode fazer durante a gestação


 

Leia tudo sobre: pode ou não podeaviãoviajarviagemgravidezgestação
Texto

notícias relacionadas