maneiras de se acalmar
Personare
maneiras de se acalmar

A vida é uma jornada repleta de altos e baixos, e todos enfrentamos momentos difíceis, seja de dúvidas, crises ou perdas. Pensando nisso, reunimos um time de especialistas que sugeriram 8 maneiras de se acalmar quando as coisas ficarem complicadas.

Nesses momentos, é natural sentirmos uma variedade de emoções intensas que podem abalar nosso equilíbrio emocional . No entanto, é essencial lembrar que a maneira como reagimos a essas situações está em nossas mãos. 

Portanto, podemos escolher adotar estratégias para nos acalmar, encontrar clareza e restaurar a paz interior.

Para ajudar nessa jornada, reunimos práticas de oito especialistas do Personare, cada um com sua perspectiva única sobre como enfrentar momentos difíceis. São ações emergenciais, para aqueles momentos mais dolorosos e repentinos.

No entanto, é importante trabalhar essas emoções, desafios e traumas que provocaram ou originaram essa dor em você. Procure a ajuda que faz sentido para você — aqui no Personare você encontra diversas especialidades e modalidades de consultas online .

8 maneiras de se acalmar

1. O poder da água

Aline Lang , especialista em Limpeza Energética, dá uma dica muito simples, que você pode aplicar a qualquer momento que precisar: tomar um banho. A água é um elemento que pode ser incrivelmente calmante. 

Por isso, tomar um banho consciente, permitindo que a água equilibre suas emoções e sentindo que, ao descer da cabeça até os pés, ela vai equilibrando todo o seu corpo.

Simplesmente deixar a água correr já é suficiente para acalmar. Se quiser transformar em um banho energético, veja aqui o guia de ervas .

2. Perceber as sensações

A psicóloga Maria Cristina compartilha a importância de perceber as sensações do corpo quando enfrentamos experiências estressantes ou vivências traumáticas . O nome disso é sensopercepção. 

“Sentar-se com a coluna reta e pés no chão e nomear as sensações que surgem, como alguém que observa e relata para si, sem julgamentos. Ao mesmo tempo, com os olhos abertos, olhar em volta (ou se lembrar de um lugar seguro para você) e experimentar a sensação de que AGORA está tudo bem”, explica a especialista.

A ideia é reconhecer e validar as sensações e emoções proporcionais com o momento. E, então, buscar entender o que é excesso, para acolher com amorosidade e segurança algumas partes que já estão feridas há mais tempo e talvez você não tenha notado antes. 

3. Exercício de relaxamento

O seu próprio corpo pode ser usado como recurso para se acalmar. A terapeuta Andrea Leandro ensina um exercício para conseguir soltar a tensão e lidar com os desafios com mais clareza.

  • Tensione todo o corpo e aperte bem a mão. 
  • Depois, solte e abra bem os dedos. 
  • Enquanto faz isso, inspire, segure a respiração enquanto está tensionando o corpo e depois solte o corpo e a respiração. Faça algumas vezes até sentir o corpo relaxar. 

“Esses movimentos mostram para o seu cérebro que ele pode soltar a tensão e relaxar seu corpo. Assim você conseguirá aliviar o estresse e a angústia e poder lidar com o desafio”, afirma Andrea;

4. Retornando ao Aqui e Agora

Simone Kobayashi , terapeuta holística, nos guia em um exercício de centrar-se no presente, usando a respiração e afirmações para reconectar consigo. Essa prática nos ajuda a voltar ao momento presente, encontrando paz e clareza.

  • Coloque uma das mãos no peito e a outra, na barriga e inspire. 
  • Perceba onde você está respirando. 
  • Então, foque em inspirar enchendo primeiro a barriga e por fim o peito. 
  • Quando soltar a respiração, solte primeiro a barriga e depois o peito (como se fosse uma “cobrinha” com o corpo).
  • Assim que o ritmo da respiração ficar suave e homogêneo, coloque a intenção em um mantra. 
  • Sugestão: “ Com a minha presença Eu Sou, conecto com meu Eu Superior, Deus/Deusa, Pai/Mãe, Consciência Cósmica, Universo, Eu Sou! Em alinhamento e harmonia com o Todo transbordo Luz, Amor, Paz e Evolução. Assim É! Assim É! Assim É !”

5. Reprogramação do significado

A terapeuta energética Regina Restelli nos lembra que nossos sentimentos são de nossa responsabilidade, baseados nas informações e experiências do nosso passado. Com essa consciência, ela sugere a repetição do mantra do Ho\’ponopono :

  • “Sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grata”.

Essa prática é especialmente poderosa em situações desafiadoras, oferecendo a oportunidade de ver as coisas com novos significados.

6. Visualização Criativa

A taróloga Zoe de Camaris compartilha a prática de visualização criativa como um recurso poderoso quando se está com tensão ou muita irritação. Ao criar imagens que evocam alegria e bem-estar, podemos nos transportar para um estado mais tranquilo, mesmo nos momentos mais tensos.

  • Feche os olhos e diga: “ Que o Mel de Oxum caia sobre mim!
  • Então, imagine que do céu nasce uma fonte de mel que escorre por todo meu corpo. 

Não precisa ser necessariamente a imagem do mel. “A visualização criativa é um recurso poderoso e pode ser criado a partir de suas imagens favoritas, aquelas que lhe causam alegria e bem-estar”, explica Zoe.

7. Autorregulação emocional

Alice Duarte , facilitadora de Constelação Sistêmica, compartilha uma prática de autorregulação emocional, que propõe reconhecer e nomear as emoções que você está experimentando. 

  • Feche os olhos e observe que parte do seu corpo está ativada.
  • Olhe para essa sensação com curiosidade e gentileza. E diga em voz alta aquilo que você conseguiu perceber. Exemplo: “ EU percebo que meu coração está acelerado ”. 
  • Comece a dialogar com essa sensação como se ela fosse uma pessoa: “ Eu vejo você. Sei que há muitos motivos para você estar aí. Estou aqui interessada em te escutar. Como você gostaria de se expressar? O que você deseja? ” 
  • Fique em silêncio, de olhos fechados, atenta para ouvir a resposta: pode vir uma imagem, uma lembrança, uma frase, uma palavra. Se vier algo, ótimo. Se não vier nada, tudo bem.
  • Deixe isso te guiar como uma bússola. 

“Quando você escuta seu corpo, ele sempre dá a dica do que fazer em seguida para se acalmar: gritar (de forma terapêutica), caminhar, colocar limites, chorar, se retirar, se proteger, etc. O mais saudável é quando a autorregulação emocional vem após a expressão genuína das emoções”, afirma Alice.

8. Redirecionando pensamentos e sentimentos

A terapeuta energética Ceci Akamatsu nos ensina a interromper o ciclo de pensamentos e sentimentos negativos para superar períodos complicados. “Assim que perceber o mal-estar, pare. Você pode falar para si mesmo: ‘pare!'”, afirma Ceci.

Então, teste e escolha o que lhe ajuda a interromper o estímulo negativo – podem ser respirações e mantras como ensinados acima, alguma música, como solfeggio frequência 528 hz , ou óleos essenciais como a lavanda , porque têm efeitos rápidos sobre nosso sistema nervoso, ajudando a parar o estímulo negativo.

Uma vez sentindo mais calma, pense em como quer se sentir e o que o seu Eu com o maior potencial aconselharia. As respostas podem vir imediatamente ou ao longo dos próximos dias, por meio de insights, intuições, sinais, coincidências ou sincronicidades. Mantenha abertura para ouvir.

Confira também:+ Saiba tudo sobre o seu jeito ser, desafios e potenciais. Faça o seu Mapa Astral aqui e leia uma amostra grátis .+ Descubra a missão da sua fase 2023, com previsões baseadas no número do seu ano pessoal .+ Quer mais previsões para o seu dia? Aqui tem um horóscopo gratuito baseado em todo o seu Mapa Astral, leia agora !+ Tarot: tire 13 cartas e descubra o que pode rolar na sua vida nos próximos seis meses. Jogue agora !

Personare

A equipe Personare é formada por pessoas que estão em processo constante de conhecimento sobre si mesmas, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Compartilhamos aqui conteúdos apurados junto aos nossos mais de 100 especialistas em diferentes áreas holísticas, como Astrologia, Tarot, Numerologia e Terapias.

conteudo@personare.com.br

O post 8 maneiras de se acalmar quando as coisas estão difíceis apareceu primeiro em Personare .

    Mais Recentes

      Comentários

      Clique aqui e deixe seu comentário!