Luana Piovani falou sobre criação do filho
Reprodução: iG Minas Gerais
Luana Piovani falou sobre criação do filho


Luana Piovani usou o perfil no Instagram na manhã desta sexta-feira (25), para desabafar sobre as atitudes do filho mais velho, Dom, de nove anos. A atriz comentou que ele está com problemas escolares. 


"Tem essa dificuldade de lidar com esse filho que cresce e acha que é gente grande antes de ser. Passei quinze dias fora, cheguei ontem morta de saudades do Dom, as crianças ansiosas, tudo ótimo", comentou.

"Ele chegou em casa da pista de skate, a santa da tia Cintia [Dicker] o trazendo, e ele queria dormir na tia Cintia. Os gêmeos também animaram, e eu falei que não tinha problema nenhum", contou. 

Você viu?

Mas Luana continua: "Se tem um problema que não tenho é de autoconfiança. Não tem problema nenhum querer ficar com a tia Cintia. Imagine! Tudo de bom. Que bom que ela é tão amada a esse ponto".

A atriz disse que Cintia, esposa atual de Pedro Scooby, contou que Dom está com dificuldades na escola, não conseguindo prestar atenção e que conversou com o pequeno. "Aquela conversa de mãe, né gente? 'Meu filho, me ajuda a te ajudar! Tem que pagar professor? Eu pago. Tem que te levar para Porto no campeonato? Eu levo. Tem que arrumar alguém para te levar e buscar na pista, eu arrumo'", disse.

"Tipo, me ajuda a te ajudar, você precisa estudar! Eu inclusive já estava procurando uma escola para colocá-lo depois do ano que vem, porque a dele só vai até o quarto ano. E eu queria com outros moldes de educação. Eu realmente acho antiquado esse jeito que a gente estuda até hoje, e ele tem uma vida diferente. Como eu tive, o pai dele teve", contou.

"Sem brigar, sem nada, numa boa, quase que pedindo ajuda. 'Mamãe quer que você seja o melhor e maior skatista do mundo, mas você tem que fazer conta para cuidar do dinheiro, tem que aprender a falar direito, tem que ter vocabulário. Está estudando algo super importante que é a conjugação dos verbos para não falar errado!'. E olha ele", disse. 

"Foi me dando um negócio...Falei: 'Tia Cintia, me desculpe, mas ninguém vai para a sua casa, não. Preciso colocar ordem na casa'. Não preciso nem dizer que depois de quinze dias cheguei em casa e tive a maior crise de choro do Dom da vida. Ele está achando que tem 20 anos, gente. E que eu e a tia Cintia somos meio que secretárias dele. Da carreira dele. Me disse: 'Mãe, amanhã tenho isso, isso e aquilo para fazer', e eu falei: 'Você tem que ir para a escola, precisa dormir e estar concentrado'".

Ela comparou a vida do filho com a própria. "Lembrei de mim. Fui para o Japão com quinze anos, e com dezesseis fiz Sex Appeal e fiquei famosa. Com dezessete, achei que o mundo era meu. Me lembro dos embates com a minha mãe, mas o meu filho tem nove [anos], né? Estou pedindo sabedoria para Deus para passar por esse momento de bruxa má, porque agora sou a mãe mais odiada do planeta. Não é fácil ver o filho chorar, te chamar de bruxa e você sabendo que está fazendo pelo bem", disse. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários