Nesta quarentena , em cidades ao redor do mundo as pessoas estão indo para a janela bater palmas como forma de homenagear os profissionais da saúde e outros serviços essenciais. Eliza Stonebank, de dois anos, resolveu participar do movimento, mas de uma forma diferente. Além de bater palmas, toda semana ela se veste como um prestador de serviço diferente. 

Leia também: Mãe faz máscara adaptada para filha surda poder sacar o FGTS em meio à pandemia

menina fantasiada
Reprodução/Metro
Eliza Stonebank tem dois anos e toda quinta-feira homenageia os profissionais essenciais desta quarentena se vestindo como eles

A menina, que vive em Darcy Lever, na Inglaterra, já se vestiu de médica, enfermeira e até caixa de supermercado. Ao site Metro, a mãe, Natalie, conta que a filha se inspirou na avó, que trabalha como enfermeira, para se fantasiar como os profissionais essenciais e homenageá-los. 

Para fazer as fantasias, a mãe não poupa esforços. Ela usa roupas do irmão mais velho de Eliza e até adaptou um uniforme do mercado local para caber na filha. Assim, toda quinta-feira, ela se veste de uma forma diferente e vai para a janela bater palma e panela com a mãe e os irmãos mais velhos. 

Leia também: Quarentena com crianças: 9 atividades para fazer em casa

menina com fantasia
Reprodução/Metro
A menina, que tem dois anos de idade e vive na Inglaterra, se inspirou na avó enfermeira para homenagear os profissionais

Natalie diz que virou uma espécie de ritual da filha participar da homenagem . Ela também diz que a equipe do hospital da cidade até agradeceu o carinho da menina: “Obrigada por nos fazer sorrir”.

    Veja Também

      Mostrar mais