Quando uma criança chega, a vida de um casal muda completamente. Então imagine quando três crianças chegam de uma vez. O casal Rachael e Chris Winterton, da Inglaterra, está vivendo esta experiência há sete meses, quando os filhos trigêmeos chegaram, e afirma que segue uma rotina rígida para dar conta de tudo.

Leia também: "É ver o milagre da vida diante dos olhos": como é ser uma fotógrafa de parto

undefined
Shutterstock
Cronograma rigoroso que pais de trigêmeos seguem pode ajudar quem precisa cuidar de várias crianças ao mesmo tempo

Jude, Lily-Rose e Esme nasceram em agosto, após a mãe passar por um procedimento de fertilização in vitro. Desde então, Rachael, de 28 anos, e Chris, de 29, acordam todos os dias às 6h30 para dar início às tarefas de pais de trigêmeos

Em entrevista ao portal britânico "Daily Mail", a mãe revela que, apesar da rotina rigorosa, ela e o marido não têm dormido muito desde que os filhos nasceram – especialmente quando eles eram bem novinhos e choravam ao mesmo tempo –, mas seguir o cronograma é importante para que eles não fiquem perdidos. "Chris me ajuda com as mamadas nortunas desde o primeiro dia, mas mesmo com uma equipe aqui em casa é preciso de ao menos 30 minutos para alimentar cada bebê – e estamos nos preparando para mamadas de uma hora." 

Leia também: Barriga no pós-parto: mãe com flacidez defende o que é beleza de verdade

Rachael afirma  que não é nada fácil, e revela que a rotina agitada fez com que ela perdesse todo peso que ganhou durante a gravidez – e não só por conta da amamentação, mas porque ela tem de ficar andando de um lado para o outro para cuidar de três também. "A única forma que encontramos para dar conta de tudo isso é mantando uma rotina diária bem rigorosa. Tudo é planejado e calculado cuidadosamente, como em um regime militar", brinca a mãe.

Como cuidar de trigêmeos

Rachael e Chris não passam das 7h para acordar. Logo pela manhã, eles já se dividem para alimentar os filhos e entretê-los, e assim, enquanto um fica com as crianças, o outro consegue se preparar para o dia. 

O café da manhã dos pais é preparado entre 8h e 8h30, depois disso, hora de uma soneca de meia hora dos pequenos. O pai, que é consultor de hipoteca, vai para o trabalho. Já às 9h, hora dos bebês brincarem e praticarem suas habilidades.

Após se exercitarem, a partir das 10h30 é hora de mamar de novo, para mais uma sonequinha depois. O pai volta para casa para ajudar a mãe nessa hora. Quando os filhos acordam, por volta das 11h30, mais brincadeiras, e 12h é hora do casal almoçar.

Leia também: Contra sedentarismo e baixa autoestima na maternidade, mãe revela transformação

Lá pelas 13h30, as crianças têm mais um período para descansar e tirar um cochilo, mas às 16h é hora de passear com a mamãe, que é professora e pratica a língua de sinais com os filhos, canta para os pequenos e não deixa de contar histórias.

Às 17h, é hora de jantar, para depois dar início ao processo de tranquilizar os trigêmeos para uma noite de sono. Entre 18h e 18h45, os pequenos tomam banho e vão para as camas. Rachel explica que Lily-Rose e Jude precisam ir primeiro para o chuveirinho, já que são mais impacientes, enquanto Esme é mais tranquilo. Fim. Mas tudo começa de novo no dia seguinte, é claro.

    Leia tudo sobre: Gravidez

    Veja Também

      Mostrar mais