Tamanho do texto

Nesse tipo de ensaio, os bebês experimentam diversas frutas pela primeira vez, e a bagunça rende bons cliques para os fotógrafos e risadas para os pais

Você já ouviu falar de "Smash the Cake"? Esse tipo de ensaio fotográfico é bastante popular nos Estados Unidos e já ganhou espaço também no Brasil. Durante a sessão de fotos, os bebês experimentam açúcar pela primeira vez e as reações são fotografadas. Mas parece que um segundo tipo de "smash" está virando tendência: o "Smash the Fruit". 

Leia também: Inspire-se na foto compartilhada por Khloé Kardashian para anunciar a gravidez

Durante o
Divulgação/Nina Estanislau
Durante o "Smash the Fruit" o bebê experimenta frutas pela primeira vez e a ideia é que se lambuzem com as próprias mãos

A palavra "smash" traduzida do inglês para português significa "esmagar", portanto "Smash the Cake" significa "esmagar o bolo" e " Smash the Fruit  ", esmagar a fruta. A ideia é deixar a criança se lambuzar livremente com as comidas e, muitas vezes, experimentá-las pela primeira vez com as próprias mãozinhas enquanto esses momentos são capturados em imagens. 

De acordo com a fotógrafa Nina Estanislau, especialista em gestante, recém-nascidos e família, essa nova opção de ensaio fotográfico surgiu como uma alternativa para as mamães que não desejam que seus bebês experimentem o açúcar industrializado e, assim, procuram uma opção mais saudável para uma sessão de fotos divertida. 

Tudo pela primeira vez

Nina explica que qualquer um dos tipos de "smash" podem ser feitos a partir do sexto mês de vida do bebê , ou seja, a partir do momento que os pais começam a apresentar novos sabores e os pequenos passam a comer alimentos sólidos. "Esse ensaio é sempre mais legal quando é a primeira vez que o bebê está fazendo algo, pois são reações inusitadas e inesperadas", diz. 

Por isso, se a ideia é tirar as fotos de seu filho nesse estilo, procure uma fruta que ele nunca tenha comido, para ter uma reação única. A fotógrafa também afirma que muitos pais esperam que a criança complete o primeiro aniversário, para usar o ensaio em festas de um ano e ter aquele momento registrado. 

Veja algumas ideias na galeria abaixo: 


Leia também: Ensaio fotográfico com folhas e flores na barriga é tendência entre grávidas

Como organizar o ensaio fotográfico com os bebês?

A profissional explica que a organização é muito simples: os pais podem escolher um tema ou combinar com o tema escolhido para o aniversário da criança, buscando ficar o mais lúdico possível. A partir daí, é escolhido o cenário, o bolo — preparado especialmente para aquele momento — ou quais frutas vão ser utilizadas e como o bebê vai estar vestido. "Tudo é feito em conjunto com os pais para que fique algo bem personalizado e com a cara da família."

Como a ideia é permitir que a criança experimente os alimentos sem se preocupar, o resultado é sempre muito fofo e com um clima de brincadeira. Toda a sessão de fotos dura em média 40 minutos, o que Nina explica ser o tempo ideal para que o bebê não fique cansado.

"Geralmente, depois de preparar um cenário com o tema escolhido pela família, o bebê é fotografado sem o bolo ou a fruta. Depois, incluímos os alimentos e deixamos que a bagunça comece", brinca. Ao fim do ensaio, ela afirma que é possível preparar um banho quentinho no local e fotografar o bebê se divertindo na água.

Outras preocupações rondam os ensaios estilo "smash", ainda mais do que as mães que optaram por dar frutas ao invés de bolo: o fato de envolver comida. Entretanto, a fotógrafa afirma que os bebês comem apenas a parte superficial, como chantilly, e os pais levam o bolo para casa. Já sobre as frutas, muitos apenas experimentam a primeira vez. Normalmente não há desperdício. 

O ensaio pode dar errado?

Antes de qualquer coisa, é preciso lembrar que realizar ou não uma sessão fotográfica no estilo "smash" é uma decisão dos pais. No caso do "Smash the Cake", eles precisam considerar algumas questões, como querer que o filho tenha contato com açúcar ou se o bebê tem algum tipo de intolerância ou restrição à lactose.

Outras dicas importantes envolvem conhecer a criança e seus hábitos. Isso é fundamental tanto para hora escolher qual tipo de ensaio a fazer, como se é algo viável para seu filho. Muitas crianças tem certo "nojo" de texturas diferentes das que estão acostumadas ou não têm o hábito de colocar algo espontaneamente na boca. Nesses casos, tentar fazer com que ele experimente o bolo ou a fruta sozinho pode ser a parte mais complicada do trabalho e deixar o bebê desconfortável. 

Pensando nisso, os pais precisam estar prontos para qualquer reação da criança, principalmente porque é tudo muito novo e diferente. É importante manter a calma e não ficar decepcionado se a reação for contrária, mas tentar encontrar uma forma de deixar o momento divertido e relaxante. 

Os melhores resultados, com certeza, serão aqueles em que a criança está à vontade com os elementos a sua volta, então é importante não "forçar" o pequeno a querer participar de nada. Mas se o seu filho é daqueles super curiosos, que gosta de explorar as novidades, leva tudo o que vê à boca e não se incomoda com as texturas e gostos, pode ficar tranquila que qualquer um dos tipos de "smash" terão sucesso garantido.

Leia também: Menina de nove anos faz ensaio fotográfico da mãe grávida e viraliza na web

Reações dos pais

Nina Estanislau conta que, como fotógrafa, o mais legal de observar durante esse tipo de ensaio são as reações, tanto dos pais quanto das crianças. "Os pais morrem de amor com as caras e bocas que os bebês fazem", afirma. "As reações dos bebês são realmente muito características deles, porque é o jeitinho que cada um tem de descobrir o mundo."

Ela diz que já viu crianças ficando bastante animadas "esmagando" o bolo ou experimentando as frutas e dando gargalhadas ao sentir o novo sabor. Já outros bebês querem dividir com os pais essa experiência e não sossegam enquanto não conseguem lambuzar os pais com os alimentos também.

Fato que, independente se você escolher "Smash the Cake" ou "Smash the Fruit", é sempre uma fofura ver meninos e meninas experimentando comidas em primeira mão e enfiando a mão, os pés, a boca, apreciando cada detalhe daquela novidade. Sim, essas sessões fazem uma sujeita danada, mas o que importa é a diversão e o resultado final. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.