Tamanho do texto

Confira qual é a alimentação ideal para bebês com até seis meses de vida

Beber água é essencial para manter o equilíbrio do corpo. Para ser ter uma ideia, a falta dela pode afetar o funcionamento do organismo e gerar problemas como desidratação, prisão de ventre e até dor de cabeça. Entretanto, será que todo mundo deve beber água? Não é bem assim.

Leia também: 7 brincadeiras de criança para aproveitar as férias com os filhos

De acordo com especialistas, o leite materno tem toda a água e nutrientes que um bebê de até seis meses necessita
Pexels
De acordo com especialistas, o leite materno tem toda a água e nutrientes que um bebê de até seis meses necessita

Reportagem publicada esta semana no portal britânico “Daily Mail” assustou pais ao afirmar que alimentar os bebês com ate seis meses com água pode ser fatal. A explicação é que qualquer coisa além do leite materno pode ser tóxico a uma criança tão pequena. Além disso, ingerir grandes quantidades do líquido faria com que os níveis de sódio caíssem demais. Desta forma, não conseguiriam processar os nutrientes necessários para manter a vida.

Uma pediatra ouvida pela reportagem do site explica que o ideal é que crianças de até seis meses ganhem as calorias que precisam e também a água que necessitam apenas através do leite materno – sim, o leito produzido pela mãe também contém  água necessária para o bebê.

O que dizem especialistas

Tanto a SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria) quanto a OMS (Organização Mundial da Saúde) concordam com a recomendação de dar apenas leite materno a crianças com até seis meses de vida. Para a SBP, não existe essa história de leite materno “fraco” ou “aguado”.

Leia também: Mãe dá beijo na boca da filha e reabre debate sobre o que é certo e errado

O Departamento de Aleitamento Materno da SBP explica que o leite da mãe já fornece a água necessária para manter a criança hidratada, mesmo em temperaturas ambientes elevadas.

Já a Academia Brasileira de Pediatria explica que a desidratação nos bebês é mais comum quando ocorre infecção intestinal, que causa vômitos e diarreia – não confunda com o leite que acaba voltando à boca após a mamada ou as fezes líquidas e semilíquidas que são comuns nessa idade. E uma das recomendações para evitar a infecção é justamente dar somente o leite materno durante os seis primeiros meses de vida da criança.

Vale lembrar que nem todas as mães conseguem dar o leite materno para os filhos – e não há problema algum nisso, não se sinta culpada . Quando se trata de leite artificial, pode ser que a ingestão de água também seja necessária. De qualquer forma, o importante é sempre escutar o pediatra da criança, especialista que vai acompanhar seu desenvolvimento e saber se ela precisa de alguma necessidade. Outra dica é ficar de olho no peso do bebê: se ele estiver perdendo muito peso é sinal que algo está errado. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.