Vanessa Danieli largou a indústria pornô e hoje trabalha com marketing e como youtuber
Reprodução/Instagram
Vanessa Danieli largou a indústria pornô e hoje trabalha com marketing e como youtuber

Quando tinha 21 anos de idade, Vanessa Danieli entrou na indústria pornográfica porque estava com dificuldades financeiras. Há cinco anos, ela largou o trabalho de atriz-pornô e hoje critica o que viveu nos sets de filmagens e procura alertar outras mulheres para não caírem no mesmo caminho que ela.

"Entrei por necessidade e me arrependo muito. Tudo ali no set não era montado como prometido, era caseiro, sem uma cópia do contrato, cenas cansativas e muito forçadas, tudo era sofrimento, foi uma fase bem difícil. Tenho traumas até hoje", diz em entrevista ao Uol.

Vanessa vai lançar um livro no qual fala sobre sua experiência como atriz pornô e quer alertar as pessoas sobre o que acontece nos bastidores. Ela também conta que ainda sofre muito preconceito por ter tido essa profissão. Hoje, ela é casada e trabalha em uma agência de publicidade com marketing de influência e também é YouTuber do seguimento geek.

"Primeiro eu era alvo porque tinha entrado no pornô, depois porque sai e não tinha direito a uma vida digna, a uma vida 'normal', como por exemplo casar, ter uma família e um outro trabalho. As pessoas são cruéis e hipócritas. Hoje, eu faço tratamento psiquiátrico para não pirar, essa coisa de fazer parte do pornô é pesado e gera muitas frustrações, pois as pessoas glamorizam a pornografia e não pensam em tráfico e exploração sexual. Pensei em suicídio muitas vezes por não aguentar a pressão", conta.

"Hoje sou contra os filmes adultos porque são prejudiciais de diferentes formas, como interferir na autoestima das pessoas, interferir nas primeiras relações de meninos e meninas que começam a namorar. A indústria mostra uma situação distorcida, o sexo deixa de ser algo saudável", finaliza Vanessa Danieli.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários