Cabeleireiro Bruno Dantte é acusado de assédio
Reprodução/Instagram
Cabeleireiro Bruno Dantte é acusado de assédio

O cabeleireiro Bruno Dantte está sendo acusado de assédio moral e sexual por diversas mulheres nas redes sociais. As acusações vem de colegas de trabalho, alunas do curso que ele ministra e também clientes que foram atendidas pelo profissional. Ele é conhecido como um especialista em cabelos cacheados e crespos e atende famosas como Samara Felippo, Vanessa da Mata, Cacau Protásio e Fabíula Nascimento.

As acusações começaram com o relato da cabeleireira Pazim que disse ter sofrido assédio moral quando trabalhou com Bruno Dantte. Ela conta que se mudou de São Paulo para o Rio de Janeiro para trabalhar com o especialista em cachos, mas foi demitida após três semanas por não aguentar o assédio.

Após essa publicação nas redes sociais, diversas mulheres se pronunciaram sobre assédios que teriam sofrido do cabeleireiro. Os relatos variam de clientes que se sentiram intimidadas pelo profissional no momento do atendimento e em conversas pelas redes sociais e também alunas que fizeram o curso ministrado por ele.

Samara Felippo se pronunciou após os relatos das supostas vítimas viralizarem nas redes sociais. A atriz, que grava uma live toda semana com Giselle Itié e Carolinie Figueiredo, fez uma transmissão ao vivo sobre o tema assédio. "Assédio não é brincadeira, é humilhante, constrangedor e nos machuca. Homens, precisamos de vocês, que vocês revejam atitudes muitas vezes 'naturais', mas que para nós é desconfortável e muitas vezes causam traumas", escreveu a artista quando publicou a live nas redes sociais.

Você viu?

Por meio de uma nota oficial, Bruno Dantte se pronunciou sobre as acusações de assédio. O comunicado do cabeleiro nega os assédios e fala que ele vai se afastar do trabalho, das empresas que comanda e da internet até que "os fatos sejam esclarecidos e cessem os ataques difamatórios".

Confira a nota na íntegra:

"A assessoria de imprensa do empresário e cabeleireiro Bruno Dantte informa que, devido aos últimos acontecimentos, o mesmo optou por afastar-se de suas atividades e empresas por tempo indeterminado até que todos os fatos sejam esclarecidos e cessem os ataques difamatórios que lhe estão sendo indevidamente veiculados nas redes sociais.

A assessoria jurídica do empresário já está tomando as medidas cabíveis e necessárias.

Bruno deixa registrado que lamenta profundamente o ocorrido e que não compactua com nenhum tipo de comportamento abusivo."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários