Duda Reis fala das ameaças que sofria de Nego do Borel
Instagram/Reprodução
Duda Reis fala das ameaças que sofria de Nego do Borel

Duda Reis voltou a falar sobre o relacionamento com Nego do Borel.  A influenciadora chorou ao falar sobre o que vivia e gravou Stories na tarde desta quarta-feira (13) dizendo novamente que era manipulada pelo cantor e que sentia muito medo quando estava com ele. Duda contou inclusive que o funkeiro já ameaçou matar a família dela.

"Não falei metade do que vivi, mas eu falei uma coisa que é um fato. A primeira estratégia de um abusador é fazer uma vítima se passar por maluca e é o que ele vai fazer hoje", a influencer começou contando. Duda disse que Nego do Borel se uniu a uma advogada criminalista e fará um pronunciamento hoje às 14h. Segundo ela, a estratégia do funkeiro será fazer com que a influencer fique parecendo uma louca.

"Eu era muito manipulada, eu tinha muito medo. Ele me ameaçava, ele dizia que eu brigava com cachorro grande e que ia mandar matar minha família", Duda Continuou dizendo. Ela falou que sempre que se manifestou a favor do relacionamento ela fez isso obrigada. Eu me sentia um rato em um beco sem saída. Era a pior sensação do mundo. Eu sabia de todas as coisas ilícitas em que ele estava envolvido e sempre esteve, mas não cabe a mim falar. Cabe as autoridades do país investigar, isso não é um dever meu. Eu vim falar sobre mim", completou.

Duda Reis falou que não conseguia sair do relacionamento e que era dependente emocional de Nego do Borel. Ela conta que ouvia que nunca mais ia encontrar outra pessoa para amá-la. "Eu apanhava e depois recebia amor. Eu fiquei três anos achando que amor era você apanhar e depois receber um beijo. Sofri agressão física. Teve um episódio que ele me empurrou tão forte que eu caí em um monte de cadeiras e me machuquei. Um amigo dele que é uma figura pública, eu só não vou citar aqui porque não tem necessidade, entrou no meio para poder segurar", revela e garante que vai abrir um boletim de ocorrência contra o cantor.

A influencer também disse que era manipulada e monitorada por Nego do Borel. Segundo a atriz, o cantor ficava assistindo as sessões de terapia dela e não deixava que ela ligasse para amigos se ele não estivesse perto. O funkeiro teria chegado até mesmo a gravar as ligações que a ex-namorada fez e gravar a tela das conversas que ela tinha com os amigos e com a família.

Você viu?

A atriz ainda disse que era coagida a gravar vídeos dizendo que não era vítima de agressão e sempre limpando a barra de Nego do Borel. De acordo com ela, são essas gravações que o artista pretende soltar para fazer com que a ex fique com uma imagem de doida. "Eu estava vivendo com um monstro dentro de casa. Morava em uma casa com uma pessoa em quem eu não podia confiar", comenta.

Duda Reis ainda disse que Nego do Borel vai acusá-la de traição, algo que ela garante nunca ter feito. A influencer disse que apenas chegou a falar com amigos que merecia algo melhor e pessoas melhores. "Eu vivi algo abusivo que era óbvio que eu queria sair. Eu tenho todo o direito do mundo de querer algo bom para mim, só não tinha forças para sair porque eu morria de medo. Ele realmente ameaçava mandar matar a minha família", ela concluiu.

Racismo, ações social e o perdão

Em stories publicados mais tarde, ainda nesta quarta-feira (13), Duda falou sobre as inúmeras ações sociais que Nego do Borel costuma publicar em sua rede social. 

"Não acreditem nisso. Ele faz só para se promover. Antes de fazer ele pergunta: 'Tá gravando? Grava aí, por favor'. Depois que termina, ele diz: 'Odeio pobre, odeio negro... eles fedem", relatou ela, que completou. "Ele é racista com ele mesmo".

Por fim, Duda ficou em prantos ao pedir perdão a sua família. "Meus pais sempre me amaram muito, quero muito pedir perdão publicamente. Não se sujeitem a isso. Os pais de vocês querem o bem de vocês. Eu, infelizmente, precisei chegar a esse extremo. É libertador pedir perdão, desculpa se um dia eu invalidei vocês".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários