Você já ouviu falar de pessoas trans, certo? Mas e das pessoas cis? Pra quem não sabe, do mesmo modo que trans é a forma abreviada de se referir às pessoas transgênero, a palavra cis serve para se referir às pessoas cisgêneras. Ficou confuso demais e gostaria de saber mais? Então você está no lugar certo.

Pode parecer confuso, mas não é!
Reprodução/Pinterest/Atualizamei.com
Pode parecer confuso, mas não é!



Antes de tudo, é importante dizer que “cis” ou “cisgênero” não tem nada a ver com sexualidade. Logo, você pode ser hétero e cis ao mesmo tempo. 

Conforme explica o Manual da Comunicação LGBTI+ , elaborado pela Aliança Nacional LGBTI, cisgênero está dentro do campo da identidade de gênero, que é a maneira como você se reconhece e quer ser visto no mundo. Todos nós, ao nascer, fomos designados a um sexo/gênero de acordo com a genital que carregamos. Ou seja, se o bebê possui vagina é registrado como do sexo feminino dentro do gênero mulher. Essa imposição foi feita para a grande maioria da população.

O que acontece é que se você se identifica com o gênero que escolheram para você no nascimento e você se sente confortável dentro desse gênero, você é uma pessoa cis. Na origem da palavra, cis quer dizer "do mesmo lado". Então, uma pessoa cis é o oposto de uma pessoa trans, por exemplo. 

Vale destacar que sexo,  identidade de gênero e orientação sexual são coisas diferentes. 

  1. O sexo biológico é: masculino, feminino e intersexo.
  2. A identidade de gênero se refere a maneira que você se apresenta para o mundo: mulher cis, mulher trans, homem cis, homem trans, travesti e pessoa não-binária. 
  3. E a orientação sexual descreve sua relação afetiva com outras pessoas: hétero, gay, lésbica, bissexual, panssexual e assexual. 


No fim, cada um de nós possui um sexo biológico, um gênero, uma orientação sexual, uma raça e uma forma de corpo. Tudo ao mesmo tempo. Cada uma delas é válida e merece respeito. 




    Veja Também

      Mostrar mais