Moradores prestam apoio a casal gay
Reprodução
Moradores prestam apoio a casal gay


Um casal gay de um condomínio de Joinville, Santa Catarina, recebeu um bilhete anônimo reclamando do fato dos dois andarem de mãos dadas. Na carta, o remetende dizia que ali era um "local de família" e exigia respeito. Mas, felizmente, os moradores de lá manifestaram apoio ao casal e estenderam uma bandeira colorida na janela.

Ao saber da situação, que acontecem em 11 de setembro, o casal Fábio Rodrigues, 39 anos, e Geovana Colzani, 29 anos, decidiu pendurar uma bandeira LGBT na frente da cortina em sinal de apoio. O episódio de homofobia aconteceu com Charles, que é o maquiador e síndico do prédio.

"Eu fiquei absurdamente impressionado. Eu esperava receber apoio do pessoal LGBT e só. Mas recebi mensagens de muitas mães, pais. Senhorinhas de idade me mandando mensagem. Fiquei muito feliz", contou Charles ao portal UOL.

    Veja Também

      Mostrar mais