Tamanho do texto

No vídeo, a modelo Rain Dove aparece depilando a axila, pernas e virilhas no banheiro e, depois, cola os pelos no rosto, fazendo parecer que tem barba

A modelo norte-americana Rain Dove não gosta de seguir as regras sobre o que é socialmente definido como gênero e, por causa disso, ela usa tanto roupas consideradas masculinas quanto femininas. Recentemente, ela publicou um vídeo no Instagram que está dando o que falar, pois aparece depilando os pelos da axila, pernas e virilhas no banheiro, mas vai além. O objetivo é abrir debate sobre o que realmente pode ser definido como "feminilidade". 

Leia também: Mulher para de se depilar e compartilha jornada de aceitação nas redes

No Instagram, a modelo Rain Dove aparece depilando os pelos da axila, pernas e virilhas para discutir o que é ser feminina
Instagram/raindovemodel/Reprodução
No Instagram, a modelo Rain Dove aparece depilando os pelos da axila, pernas e virilhas para discutir o que é ser feminina





"Quando as pessoas falam que seus pelos não são femininos e que você precisa se livrar deles para ser bonita, lembre-se: nós podemos sentir que se não estamos seguindo o que é construído socialmente, vamos acabar sozinhas, mas existem 7,4 bilhões de pessoas no mundo, e as chances estão a seu favor, alguém vai te amar pelo seu jeito. Tenha você muitos ou poucos pelos, você não deveria se sentir feia por isso. Isso não é sobre beleza, é sobre liberdade", aparece escrito no vídeo. 

Ela também afirma sobre como a palavra "feminino" não possui um significado universal. "O que é considerado 'feminino' pode variar regional, cultural e historicamente". Depois que termina de se depilar, Rain cola os pelos no rosto, para ilustrar uma barba. "Se você está falando que essa barba é uma declaração sobre 'masculinidade', não é. Barbas também podem ser femininas." 

Some may think this video is Gross. “Whyyy did you do that? Ahhhh nooooo!” Was the first verbal response I got when I shared it to a close friend. But I just laughed. Because to me what is actually “gross” is how much shame people feel for their body being in its natural state. Not everyone naturally has body hair, but those that do (especially those that society identifies as “female”) are taught from a young age that their hair is disgusting. Not of their identity. Not pleasant for others. Something to be ashamed of and removed. The fact that we exist at all is a pure miracle. It’s complex and incredible. What it takes for the hair to exist on your body, should you have it, is a wonderful maze of science that requires a perfect combination of occurrences. Your hair is there to protect You from the suns rays, the environment, and even bacteria that clings to the body by bringing it farther from your skin. It’s functional. A part of your mechanics. So get rid of it if You like, but do it because that’s how You want to maintain your machine. Because hair or not- ugly is a feeling not an aesthetic. No amount of shaving or waxing will ever create true beauty. #WhatsTheFuzzAbout #EducateDontHate #BEardYOURSELF #genderqueer #Gendefluid #lgbtq #bodypositive #effyourbeautystandards #GenderIsTheMatrix @connor_landhauser

Uma publicação compartilhada por Rain Dove (@raindovemodel) em


Leia também: Mulheres são obrigadas a depilar os pelos? Veja histórias que provam o 

Na legenda, ela continua abordando o fato de que se depilar não te torna uma mulher e como é algo "não-natural" para o corpo. "Somos ensinadas desde crianças que pelos são nojentos e que é algo para se envergonhar e remover", escreve. "Pra mim, o que realmente é 'nojento' é como as pessoas sentem sobre seus corpos em seu estado natural." 

"O fato de nós existirmos é um milagre. O que faz com que cresça pelo em você é uma combinação maravilhosa que requer muitas ocorrências científicas. Seu pelo está ali para te proteger dos raios solares, do ambiente e até das bactérias. Ele tem uma função. Com pelo ou não, feio é um sentimento, não algo relacionado a estética. Depilação não vai criar beleza", finaliza. O vídeo foi visualizado mais de 123 mil vezes nas redes sociais. 

Leia também: Por conta de foto mostrando pelos na perna, artista sofre até ameaça de estupro

Debates sobre pelos

Apesar da polêmica, essa não é a primeira vez que Rain Dove fala sobre se depilar nas redes sociais. Em 2016, a modelo já havia compartilhado uma foto abordando a questão de gênero e os pelos sobre o corpo. "Se as minhas pernas não estão depiladas e eu uso vestido, as pessoas falam 'isso é nojento', me chamam de 'sapatão' ou falam que 'eu tenho muita coragem'. Mas se estou usando short ou tênis, ninguém fala nada", escreveu na legenda. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas