Tamanho do texto

Torre futurística terá 60 andares com 530 apartamentos; moradores poderão usar 'táxis aéreos' ou 'drones de passeio' para acessar o edifício

Um projetista em Miami está disposto a levar a tecnologia para o próximo nível: ele está desenvolvendo um prédio futurístico com uma pista de pouso para " drones de passeio", os tais “carros voadores”. O projeto do prédio é de Dan Kodsi e fará parte do complexo residencial de luxo Paramount Miami Worldcenter, nos EUA.

Leia também: Conheça os prédios mais altos da América do Sul

Com 60 andares e 530 apartamentos, prédio futurístico terá pista de pouso para táxis aéreos e drones de passageiros
Divulgação
Com 60 andares e 530 apartamentos, prédio futurístico terá pista de pouso para táxis aéreos e drones de passageiros


A pista de pouso ficará no topo de uma das torres residenciais, que terá 60 andares, abrigando cerca de 530 apartamentos. Segundo Dan, os moradores poderão pousar e decolar com veículos de voo vertical, como helicópteros e drones, entrando e saindo do prédio por meio de um "lobby aéreo”, tendo acesso a seus apartamentos por um elevador de vidro.

Leia também: Construir varandas em apartamentos antigos é possível. Saiba como

“Eu realmente acredito que os ‘portos aéreos’ [pistas de pouso em edifícios] serão as futuras estações de trem. Por que não comprar um prédio que tem o potencial de estar alinhado com o caminho que as formas de transporte estão tomando?”, ponderou Dan para o jornal de notícias imobiliárias “The Real Deal”.

A ideia

Ao veículo, ele contou que teve a ideia para a torre futurística depois de ler sobre o UBER Elevate, um projeto de carros voadores da UBER. Já em desenvolvimento, a empresa pretende começar os testes com os táxis aéreos urbanos nas cidades de Dallas, Los Angeles e Dubai a partir de 2020.

Isso, somado ao fato de que ainda sequer existe qualquer tipo de regulamentação para “drones de passeio”, Dan acredita que deve demorar de dez a 15 anos para que esses transportes cheguem a Miami - muito tempo depois da conclusão do condomínio, mas ele não se importa. “Sendo um desenvolvedor, você quer ver onde estão as tendências e ficar à frente delas”, afirma.

Leia também: Truques e dicas para deixar a casa com cara de apartamento de novela

O prédio , junto com o complexo de luxo, já está em vias de construção e cerca de 75% dos apartamentos que ele abrigará já foram vendidos. No momento, foi feito até o 47º andar e o edifício tem previsão de ser concluído em 2019, segundo os desenvolvedores.

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.