Tamanho do texto

Técnica que ilumina pontos altos do rosto já virou mania entre as fãs de maquiagem. Veja como fazer

Além de cor e textura, maquiagem também é luz e sombra. E saber usar as duas coisas a seu favor pode fazer toda a diferença na hora de esconder pequenos defeitos da pele e realçar os pontos fortes do rosto.

Depois que a técnica conhecida como “contouring” (contorno, em livre tradução para o Português) invadiu internet com fotos e tutoriais ensinando como equilibrar os traços do rosto usando luz e sombra ao mesmo tempo, em contornos marcados, a nova mania entre as fãs de make é o strobing, que consiste em usar luz (é isso mesmo!), valorizando a naturalidade da pele e destacando os pontos altos do rosto: testa, nariz, queixo e têmporas.

Técnica valoriza a naturalidade da pele
REPRODUÇÃO / PINTEREST
Técnica valoriza a naturalidade da pele

“Pele iluminada é sinônimo de viço”, diz o maquiador Andreson Peres, do Crystal Hair.

Para conseguir esse efeito “glow” (de brilho natural) ele dá uma dica: adicionar hidratante ao corretivo e base. Simples assim? Nem tanto. Se o strobing for feito nos locais errados, pode dar à pele a temida aparência de oleosa.

“É importante concentrar o iluminado em áreas que refletem a luz, como nariz, maçãs do rosto e têmporas”, explica a maquiadora Adriana Neto, da Esmell Leblon, do Rio de Janeiro.

Para iluminar certo, o primeiro passo é investir em um bom primer e preparar a pele corretamente. Isso faz com que o iluminador fixe melhor e possa fazer o seu papel direitinho.

"Não adianta comprar um iluminador bom e caro se você não fizer a preparação correta da pele para receber o produto”, orienta Rick Silva, do Studio Sonia Nesi.

O maquiador Vicente Lujan explica que o strobing pode ser adaptado para todos os tipos de pele. Mas, como é uma técnica de maquiagem que consiste em brilho e refletores, as pessoas que têm pele oleosa podem se incomodar um pouco. Nestes casos, a solução é iluminar somente os pontos altos do rosto e não a pele toda.

"Experimente usar iluminador em pó e, após hidratar a pele, aplique nos pontos altos, antes da base. Para finalizar, esfume com a base, misturando o iluminador", ensina Vicente, que foi um dos vencedores do 19º Prêmio Avon de Maquiagem.

Como fazer

O strobing pode ser feito com diversos tipos de iluminador: em pó (antes da base), em bastão, em creme ou líquido. Até gloss labial pode ser usado para conseguir este efeito. Se quiser um strobing com look mais "molhado”, dê preferência aos iluminadores em creme e líquido, o resultado é surpreendente.

Aplique o iluminador nos pontos altos do rosto, como testa, têmporas, ponta do nariz, queixo e parte superior dos lábios.

Para aplicar o iluminador, use um pincel. Se preferir usar as pontas dos dedos, não esfregue o produto. Dê apenas algumas batidinhas na pele, isso dá um aspecto mais natural.

O strobing pode ser feito em todas as tonalidades de pele, a diferença é a adaptação das cores dos produtos. No caso da pele negra, é melhor usar tons de bronze e evitar tons claros, que podem acinzentar a pele.

++ Veja na galeria uma seleção de makes que têm o strobing como ponto forte:


Leia mais no Delas

    Leia tudo sobre: maquiagem
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.