Naiara Azevedo no BBB 22
Reprodução/TV Globo
Naiara Azevedo no BBB 22

O BBB22 está a todo vapor e a gente já fica de olho espiando os truques de beleza dos participantes. Entre as ‘sisters’ que se mantém nos assuntos mais comentados está a Naiara Azevedo, cantora conhecida por hits como “50 reais” e “Pegada Que Desgrama”.

A diva sertaneja chegou abalando com seu jeito extrovertido e, em conversa com os brothers, admitiu ser adepta do mega hair. Alina Carmezim, especialista em extensões capilares e criadora do método Impercept, conta que o cuidado dentro da casa tem que ser redobrado. “É um período de três meses confinada, com piscina, sol e sem um profissional qualificado para cuidar dos fios, por isso, é preciso tomar alguns cuidados específicos durante esse período para que o mega permaneça bem estruturado”, conta.

Em primeiro lugar é preciso sempre deixar o cabelo bem seco após a lavagem. Na falta de um secador, o recomendado é lavar as madeixas de manhã, para que dê tempo de secar bem e, dessa maneira, evitar as chances de ocorrer proliferação de fungos. “É normal as sisters dormirem com os cabelos molhados, mas não é a melhor opção para quem é adepta às extensões”, alerta a especialista.

É preciso também ficar atenta na hora de pentear e desembaraçar os fios. “Recomendo sempre o uso de escovas específicas para extensões capilares. O ideal é fugir totalmente das cerdas mais duras”, indica Carmezim.

Leia Também

Outro costume comum entre as participantes é manter o cabelo preso em rabos de cavalo ou coques para controlar os fios rebeldes, mas Alina explica que isso pode ser prejudicial ao mega. “É permitido prender, mas o ideal é não apertar demais o cabelo na hora de fazer um penteado para não tracionar e danificar os fios. A extensão precisa ser tratada com delicadeza”, complementa.

Além disso, o cuidado após a exposição dos fios ao cloro e ao sol é essencial. Máscaras para hidratar e leave-ins após um banho de piscina são perfeitos para manter o mega saudável, assim como o uso de um protetor térmico. “Seguindo essas dicas, é possível minimizar consideravelmente os danos que o mega hair possa sofrer, assim como manter as extensões mais naturais”, finaliza Alina.

** Formada na Universidade Metodista de São Paulo, Gabriela Ferreira trabalha no Portal iG desde 2020. Cobre as editorias de Soft News, com enfoque em iG Delas e Receitas. É aspirante a dançarina, ama moda e apaixonada por aventuras.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários