Penteado mais clássico, o meio preso é uma boa opção para sair da mesmice, podendo ser usado com os fios modelados por um babyliss ou até mesmo lisos. Uma boa opção para cabelos médios e longos.
Divulgação
Penteado mais clássico, o meio preso é uma boa opção para sair da mesmice, podendo ser usado com os fios modelados por um babyliss ou até mesmo lisos. Uma boa opção para cabelos médios e longos.


O Natal está chegando: o look já foi comprado, o sapato está escolhido e o salão já foi marcado. Só falta agora decidir o que fazer no cabelo para as festas de fim de ano. No começo desta semana publicamos algumas sugestões de penteados fáceis para cabelos curtos . Agora é a vez dos fios médios e longos, dos  mais lisos aos crespos, passando pelos encaracolados.  




A pedido o iG Delas a rede gal, agregadora de salões de beleza, separou alguns penteados para cabelos médios e longos e que são simples de reproduzir em casa. Confira.

Coque clássico

O coque é uma ótima opção clássica, basta desfiar mechas do cabelo antes de prender
Divulgação
O coque é uma ótima opção clássica, basta desfiar mechas do cabelo antes de prender









Leia Também


O coque é uma ótima opção clássica que costuma agradar às mais românticas. Para fazer, basta desfiar mechas do cabelo antes de prender, passando um pente fino das pontas para deixar a raiz mais volumosa. Para completar o visual, você pode apostar em alguns fios soltos bem preparados, mantendo o estilo arrumado com um ar mais despojado. Se quiser, use acessórios para dar um toque especial. Alguns podem ser colocados depois do penteado pronto, como tiaras finas e de cores metálicas.

Penteados com tranças

Penteados com tranças transmitembastante empoderamento e personalidade
Divulgação
Penteados com tranças transmitembastante empoderamento e personalidade









Leia Também

Há muitas opções de penteados com tranças, que podem ser nas versões do cabelo todo preso, geralmente com os gomos mais apertados, ou semi preso, em geral com gomos um pouco mais frouxos ou ligeiramente desfiados. O exemplo acima é uma trança fake, marcada pelos gomos da trança mais largos. Para construir esse efeito, faça a trança normalmente e, após prender, abra com os dedos os gomos para trazer esse ar mais despojado e empoderado ao penteado.

Os penteados com trança também pode ser semi presos, dando um ar moderno e sofisticado
Divulgação
Os penteados com trança também pode ser semi presos, dando um ar moderno e sofisticado




Leia Também

Leia Também







Para quem quer fugir dos penteados mais comuns, a dica é mesclar as tranças com o cabelo semi-preso! Esse penteado pode garantir mais volume ao cabelo e permite ousar em diferentes tipos de tranças para compor o visual, inclusive alinhando a embutida com a escama de peixe para agregar bastante personalidade às madeixas.

Penteados para cabelos ondulados, cacheados e crespos

Para os ondulados, o penteado semi preso é uma ótima opção
Divulgação
Para os ondulados, o penteado semi preso é uma ótima opção










Para os cabelos ondulados e cacheados, uma boa opção de penteado é o semi preso, já que permite explorar o charme da curvatura natural dos fios. Para quem quiser ondas mais marcantes, a dica é usar o babyliss para deixar os cachos bem modelados. 

O penteado semi preso com trança enraizada fica lindo nos crespos e cacheados
Divulgação
O penteado semi preso com trança enraizada fica lindo nos crespos e cacheados









O penteado semi preso com trança raiz mostra um trançado lateral, dando um toque moderno e divertido às madeixas. Fica muito bem em cabelos de todas as curvaturas e é perfeito para os dias quentes.

Outra opção é aposta no cabelo todo preso no alto da cabeça coque abacaxi. Ele é uma ótima escolha para os cabelos crespos, pois o seu charme está justamente no volume que proporciona. Cheio de personalidade, pode ser usado com franja, bandana ou lenço. Se desejar mais volume, use um aplique estilo afropuff. Eles podem ser encontrados facilmente em lojas de perucas e venda de cabelos para tranças afro.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários