Saiba o que é, para que serve e como usar o retinol
Unsplash
Saiba o que é, para que serve e como usar o retinol









Você viu?



Quem gosta de skincare precisa ficar antenado nas novidades e nos produtos que estão em alta para manter a saúde da pele. Um dos ativos do momento é o retinol, um dos ingredientes muito presentes nas composições de produtos para cuidados com a pele . O retinol é buscado principalmente por sua ação anti-envelhecimento por promover renovação das células, conferindo à pele uma aparência suave.


O que é o retinol?

De acordo com Ana Cecilia Corcini, especialista em estética na Clínica Leger, o retinol é um ativo que é provido pela vitamina A. O agente está presente em alimentos como óleos de peixe e gema de ovo. “É indicado há muitos anos na área da estética médica para o rejuvenescimento da pele, tendo sua eficácia comprovada em diversos trabalhos científicos", diz a profissional.

Quais são os benefícios do retinol?

Corcini explica que o principal ganho ao usar o retinol é a estimulação da produção de colágeno e elastina, proteínas que agem diretamente na resistência e elasticidade da pele. Além disso, o retinol é capaz de agir na produção de ácido hialurônico, o que ajuda a hidratar o tecido cutâneo.

Quem pode usar o retinol?

O retinol é mais indicado em pacientes que possuem a pele mais flácida e sinais acentuados de envelhecimento, como linhas de expressão, rugas e desidratação.

Como devo usar o retinol?

A especialista explica que, antes de usar o retinol, é preciso ter indicações médicas, porque o uso pode variar de caso a caso. Além disso, o ativo pode ter algumas contraindicações por ocasionar irritação e sensibilidade, já que é um produto fotossensibilizante. Por isso, é recomendado que o uso seja feito no período noturno. “No dia seguinte, a pele deve ser bem higienizada, após proteger com filtro solar com FPS mínimo 30", recomenda.

Dicas extras para usar o retinol

Desidratação e ressecamento são outros efeitos adversos que o retinol pode causar na pele. Por esse motivo, é ideal conciliar o tratamento com esse ativo com produtos para a pele que tenham fórmulas hidratantes. Uma opção é usá-lo com o ácido hialurônico. Além disso, Corcini reforça que é importante usar a dose recomendada pelo especialista para não causar irritações.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários