Franja
Reprodução/Instagram/Bruna Marquesine
Franja


Atire a primeira pedra quem nunca pensou (ou tentou) cortar a franja sozinha em casa. Ao longo da pandemia, muita gente se aventurou com as próprias madeixas : raspando, pintando, cortando só as pontinhas. Mas  a franja é campeã absoluta de buscas no Google quando o assunto é mudança de cabelo em casa.

Para ajudar quem não aguenta mais ficar sem cortar o cabelo, mas ainda não se sente segura a ir até o salão (o que é prudente, já que a terceira onda está aí), a cabeleireira e Michele Marques fez um tutorial para  cortar a franja em casa sem arruinar o cabelo. .

“É importante observar o caimento natural do seu cabelo e possíveis redemoinhos na região da franja”, explica a profissional, professora da área da beleza há mais de 20 anos. No caso da boneca-modelo, ela usa o cabelo para o lado e vai fazer uma franja universal com caimento natural, que vai para qualquer lado.


Você viu?

Dicas tesoura de ouro:

  • Lembre de não puxar o cabelo com muita força para ele não subir muito quando soltar.
  • Se tiver redemoinho, deixe soltinho na raiz
  • Ao decidir o comprimento, corte com centímetros extras. “Uma margem de erro não faz mal à ninguém”.

Franja curta

Se a sua intenção for uma franja mais curta, você pode seguir este passo a passo caso queira um formato arredondado. Para uma franja mais retinha, você vai segir os mesmos passos até à separação da parte da franja, mas não vai torcer o cabelo para cortar, buscando deixá-lo o mais reto possível, ensina Michele.

“Tá, mas e a tesoura?”

Nós sabemos que provavelmente você vai querer usar a que tem em casa mesmo. Mas caso você queira investir um pouquinho (cerca de R$ 50), a recomendação da Michele para cortes de cabelo é uma com fio navalha de pelo menos seis polegadas, pois ela não vai mastigar as pontas do seu cabelo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários