Nós, aqui do Delas , já te mostramos como se  maquiar rapidinho para uma videochamada do trabalho e como cortar o próprio cabelo sozinha em casa  durante essa quarentena, mas, desta vez, vamos te dizer o que não fazer ao se depilar com cera quente sozinha para evitar perrengues, ou melhor... acidentes.

Vai depilar com cera quente? Saiba o que não fazer e evite perrengues
shutterstock
Vai depilar com cera quente? Saiba o que não fazer e evite perrengues


1. Esfoliar a pele no dia da depilação

A depiladora MG Hair, Lene Souza, orienta você não fazer nenhum tipo de esfoliação no dia em que pretende se livrar dos pelos. Isso porque ao esfoliar podemos deixar a pele sensível e prejudicar o resultado da depilação. Ela recomenda que as esfoliações sejam feitas pelo menos um dia antes da depilação para preparar a pele e ajudar a prevenir pelos encravados.

Não esfolie a pele no dia da depilação
imagem de divulgação
Não esfolie a pele no dia da depilação


2. Tentar fazer a própria cera

A internet é o primeiro lugar que as pessoas recorrem quando querem se aventurar em algo novo e não faltam por aí receitas caseiras para cuidar da pele, dos cabelos e até para se depilar. Entretanto, é bom ter cuidado. A CEO e fudadora do instituto de depilação Pello Menos, Regina Jordão aconselha: "Evite utilizar alguma receita pesquisada aleatoriamente na internet. Procure um produto certificado, dermatologicamente testado e siga rigorosamente as orientações do fabricante".

Não tente fazer a própria cera
shutterstock
Não tente fazer a própria cera


3. Cera quente ou fria?

Lene avalia que a cera quente seja a melhor opção para quem quer tentar se depilar em casa. "A depilação em casa deve ser feita com os produtos certos e que auxiliam no processo, caso a pessoa não seja experiente na auto-depilação. Por isso, o recomendado é o uso da cera quente, pois diferente da cera fria, ela ajuda a evitar hematomas que podem ser causados no ato de puxá-la da pele."

Já Regina avalia que é imprescindível a ajuda de um profissional ao se fazer o uso de cera quente. "O risco de se machucar é muito alto, pois há uma técnica na hora de aplicar e remover o produto, além de ser fácil errar o ponto da temperatura e provocar uma queimadura séria na pele. Já a cera fria, é um método, principalmente, de uso doméstico."

Cera quente ou fria?
Pinterest/Unsplash
Cera quente ou fria?


4. Desviar a atenção do processo

"O cuidado deve ser redobrado ao se depilar em casa, pois além de atenção a temperatura da cera, é preciso escolher uma posição e local seguros e confortáveis para o procedimento", orienta a profissional do MG Hair.

Além disso, ela lembra que a cera deve ser aplicada e puxada no sentido contrário ao nascimento do pelo, pois assim será possível arrancá-lo a partir da raiz. O resultado: uma pele lisinha e macia!

Não desvie atenção do processo
shutterstock
Não desvie atenção do processo


5. Esquecer os cuidados pós-depilação

As duas profissionais alertam para os cuidados que devem ser tomados após a depilação para diminuir as chances de reação indesejáveis na pele. Por isso, Rosana explica: "Não se esqueça do protetor solar após o procedimento. Não use ácidos na região depilada por pelo menos 10 dias. Use roupas leves no dia da depilação, para evitar atritos e irritações na pele e faça uso de cremes hidratantes após o procedimento, isso ajuda a aliviar qualquer vermelhidão e ardência na pele."

Mas não é qualquer creme, ambas recomendam o uso de cremes que sejam pós-depilatórios. "Caso sinta a pele lesionada ou com sensação de queimação, aplique um pouco de Bepantol", acrescenta Lene.

Respeite os cuidados pós-depilação
shutterstock
Respeite os cuidados pós-depilação


6. Exposição ao sol

O sol também pode ser um grande inimigo de quem faz uso de cera quente. De acordo com Rosana, "a incidência da luz solar pode causar manchas graves na pele, que já está sensibilizada pelo procedimento".

Evite exposição ao sol
shutterstock
Evite exposição ao sol


7. Uso de desodorantes com álcool

Esse item é principalmente para quem deseja depilar as axilas. Rosana orienta o uso de desodorantes sem álcool e indica: "Geralmente os produtos sem cheiro são os com menos química na sua composição. Esses são os mais indicados para serem usados depois da depilação de axila."

Evite desodorantes com álcool
shutterstock
Desodorante


8. Repetir o processo várias vezes

Como dito anteriormente, a depilação com cera pode deixar a sua pele sensível, por isso ambas recomendam o espaçamento entre um procedimento e outro para que a pele possa se recuperar. Caso a sua pele esteja com alguma alergia, lesão ou anormalidade, Lene acredita que o melhor é deixar a depilação para depois, "pois o movimento de puxar os pelos e o calor da cera podem agravar os problemas e deixar a pele ainda mais sensibilizada".

Não repita o processo várias vezes
Thinkstock/Getty Images
Não repita o processo várias vezes


9. Usar qualquer método sem pesquisar sobre ele

Como já dizia aquele velho ditado "muitas vezes, é melhor prevenir do que remediar, por isso a fundadora do Pello Menos aconselha: "Por precaução, principalmente se for depilar áreas maiores e em regiões mais sensíveis do corpo, opte por métodos menos perigosos, ainda que o resultado estético não seja tão duradouro". "É preciso ter em mente que essa fase (de quarentena) é passageira", conclui ela.

Pesquise outros métodos
shutterstock
Pesquise outros métodos


    Veja Também

      Mostrar mais