Tracy Kiss, que tem 32 anos e vive em Buckinghamshire, Inglaterra, já gastou 45,1 mil libras esterlinas (R$ 253 mil) em cirurgias plásticas. Entre os procedimentos estão três implantes de silicone, um lift no bumbum com implantes, rinoplastia, cirurgia nos olhos com laser, plástica íntima para "remodelar" a vagina, botox e preenchimentos nos lábios.

Leia também: Mulher desembolsa R$ 1,5 milhão em plásticas: "Dinheiro bem gasto"

Tracy Kiss
Reprodução/Instagram/tracykissdotcom
Tracy Kiss tem uma dívida de R$ 213 mil acumulada por causa de cirurgias plásticas

A questão é que para todas essas cirurgias plásticas , Tracy tinha apenas 7,1 mil libras (R$ 39 mil) em dinheiro - o que significa que hoje, ela está com uma dívida de R$ 214 mil em dois cartões de crédito. Agora, ela, que é mãe de Millie, 12, e Gabriel, de oito anos, está cortando gastos em prol do corpo. 

Ela começou a investir em plásticas aos 18 anos, quando colocou silicone nos seios, pois pensava que os naturais eram "assimétricos". Anos depois, depois de terminar de amamentar os filhos, ela optou por implantes maiores."Em vez de passar por uma cirurgia mais invasiva, decidi por implantes maiores na Turquia, o que foi uma decisão ousada, mas que estou tão feliz por ter feito."

"Meus seios foram pensados para combinar perfeitamente com a minha altura e tamanho, permitindo que eu tivesse curvas que eu não poderia ter naturalmente", comenta. 

Mas ela não parou por aí. "Aos 29, comecei a ficar constrangida com a minha vagina, odiava como ficou depois de dar à luz. Então dividi o valor da cirurgia em dois cartões de crédito para pagar uma plástica íntima. Gosto de fazer cirurgia, mas nem sempre é vaidade. Eu precisava fazer uma plástica no nariz, pois tinha um desvio de septo e fiz um empréstimo para pagar a operação na Espanha."

Quando voltou, ela passou a aplicar botox regularmente, além de investir em preenchimentos para os lábios, bochechas, mandíbulas e sob os olhos. Ela também fez duas cirurgias para correção de miopia nos olhos. O último procedimento estético que fez foi um lift para levantar o bumbum, em 2018. 

Leia também: Mulher com "seios gigantes" não quer parar de fazer plásticas: "Obcecada"

"Meus filhos vem em primeiro lugar sempre e eles nunca passam vontade - sou eu quem fica com as sobras. Minha vida não é extravagante, tenho um carro de 2012 e alugo minha casa, mas não passo necessidades. Não gasto com viagens caras ou festas no fim de semana, meu dinheiro vai todo para as plásticas . Pago tudo no meu cartão e vejo isso como algo positivo, porque meu limite é ótimo", finaliza. 

    Veja Também

      Mostrar mais