Tamanho do texto

Inglesa mostra que não independente da idade, o importante é estar bem com sua aparência e, no caso dela, para isso era preciso encarar o bisturi

Vale arriscar a vida para conseguir a aparência que considera a ideal? Para essa idosa do sul da Inglaterra, a resposta é sim. Ela virou notícia depois de encarar um procedimento de lifting facial aos 80 anos. 

Combo de duas imagens que mostram idosa antes e depois de fazer lifting facial
Reprodução/The Sun/SWNS
Toni Goldenberg antes e depois de passar pelo lifting facial

Toni Goldenberg foi alertada pelos médicos dos riscos de fazer um lifting facial - uma cirurgia para eliminar rugas do rosto e do pescoço. Ela poderia ficar paralisada e até mesmo morrer durante o procedimento. 

Nada disso a abalou. A resposta da idosa, segundo reportagem da agência de notícias South West News Service publicada no The Sun,  foi: "Pelo menos estarei linda no caixão". 

5 anos de economia para a cirurgia

Ainda de acordo com a agência, Toni buscava algo para melhorar a autoestima. A idosa, que é viuva há 46 anos, economizou por cinco anos até conseguir o montante de 10 mil libras, cerca de R$ 51 mil. Ela guardava o dinheiro da pensão em uma garrafa de Coca-Cola gigante. 

Além disso, passou a fazer aulas de ioga e frequentar uma academia para também tentar melhorar a sua autoconfiança. 

Depois de conseguir a verba necessária para a cirurgia para retirar as rugas de rosto e pescoço, ela passou por uma série de exames até conseguir o aval dos médicos, mesmo com todos os riscos por conta da idade, para fazer o procedimento. 

"Sei que fazer uma cirurgia não é para qualquer um, mas eu senti que isso me daria um novo impulso na vida, aumentaria a minha autoestima e confiança para conhecer pessoas novas e fazer amigos", fala Toni. 

Adeus, rugas: "Aquela mulher velha foi embora e espero que não volte nunca mais"

A inglesa encarou o procedimento e ficou satisfeita com o resultado. "Quando olhei no espelho era como se estivesse vendo uma pessoa totalmente diferente", conta Toni. "Mas agora eu consigo me ver e já esqueci como eu era antes", completa. 

"Minhas rugas e pagada faziam eu parecer miserável, mas agora eu pareço jovem e feliz", comemora a idosa. "Aquela mulher velha foi embora e espero que não volte nunca mais". 

O que é lifting facial?

Mulher de meia idade com marcações de caneta no rosto antes de fazer um procedimento cirúrgico
shutterstock
Lifting facial é um procedimento cirúrgico e o resultado dura em torno de cinco a sete anos

O procedimento ao qual Toni foi submetida também é conhecido como ritidectomia.  O objetivo é eliminar rugas e melhorar a flacidez da pele de rosto e pescoço. Quem procura o lifting facial geralmente tem papada ou pele "caída" no rosto e se sente incomodado com isso. 

Para a cirurgia, o paciente toma anestisia geral. O procedimento, normalmente, segue os seguintes passos, segundo o The Sun

  • marcações nos locais onde serão feitas as incisões em todo o rosto e pescoço da paciente
  • remoção do excesso de pele
  • ajuste na pele de rosto e pescoço que, em seguida, é costurada no local - geralmente ficando mais "esticada" do era antes
  • em alguns casos, há também uma redistribuição da gordura do rosto

Após a cirurgia, o paciente usa uma série de bandagens no rosto e em torno da cabeça. De acordo com a reportagem, o resultado do lifting facial dura de cinco a sete anos. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.