Tamanho do texto

“Foi a experiência mais horrível da minha vida”, diz a jovem Georgina Paraskeva, de 18 anos, após colorir os fios e ter o rosto inchado e deformado

Georgina Paraskeva, da Inglaterra, teve uma surpresa ao usar uma tintura de cabelo para colorir seus próprios fios. Algumas horas após aplicar o produto, a jovem de 18 anos teve uma reação alérgica tão forte que a deixou, como ela mesma diz, “parecida com um monstro”.

Leia também: Saiba como identificar reação alérgica a cosméticos

Georgina Paraskeva, 18 anos, teve uma reação alérgica a uma tintura de cabelo que usou para colorir os fios
Reprodução/Facebook
Georgina Paraskeva, 18 anos, teve uma reação alérgica a uma tintura de cabelo que usou para colorir os fios

O caso aconteceu em novembro de 2018, mas só agora a imprensa britânica o noticiou. Por conta da tintura de cabelo  que aplicou nos fios, Georgina teve queimaduras no couro cabelo e perdeu a visão por dois dias. 

“Foi a experiência mais horrível da minha vida”, fala em entrevista ao site do tabloide  Mirror.   “Olhando agora as fotos, a minha cabeça dobrou de tamanho e fiquei como um monstro”, acrescenta. Ela ainda fala que ficou assim durante vários dias e sentiu muita vergonha de sair de casa por conta da deformação e do inchaço. 

Hoje, três meses após o ocorrido, a jovem conta que mudou seus hábitos de beleza radicalmente. Atualmente ela só usa produtos naturais, à base de grãos de café, no cabelo.

Leia também: Jovem tem reação alérgica inesperada após tingir cabelo e vai parar no hospital

Tintura de cabelo causa mais reações alérgicas

Outras mulheres tiveram reação alérgica ao uso de tintura de cabelo, como foi o caso de Estelle, que teve o rosto inchado
Reprodução/Facebook
Outras mulheres tiveram reação alérgica ao uso de tintura de cabelo, como foi o caso de Estelle, que teve o rosto inchado

Georgina não foi a única a enfrentar uma alergia por conta de uma tinta para cabelo. A inglesa Estelle, 19 anos, também sofreu uma grave reação alérgica à uma substância contida em tintas para cabelo. Ao jornal “Le Parisien”, ela conta que os primeiros sinais de irritação começaram a aparecer logo após a aplicação. O rosto inchou e o couro cabeludo começou a coçar. 

“Eu ainda conseguia enxergar, mas estava tendo dificuldades para respirar”, fala. “A minha testa dobrou de tamanho e a minha cabeça parecia uma lâmpada”, continua. A jovem fala que até a sua língua começou a inchar. No hospital, os médicos disseram que sua cabeça havia aumentado de 56 centímetros para 63.

Hannah Corrigan não teve uma reação alérgica à tintura de cabelo, mas sim à pigmentação de sobrancelha
Reprodução
Hannah Corrigan não teve uma reação alérgica à tintura de cabelo, mas sim à pigmentação de sobrancelha

Além dos casos de alergia por tinta de cabelo, também noticiamos aqui no Delas o caso da jovem Hannah Corrigan que revê uma reação alérgica à pigmentação de sobrancelha. Seu rosto inchou de tal forma que ela não conseguia enxergar. Relembre o caso .

Para evitar que situações como essa aconteçam com você, é fundamental tomar alguns cuidados antes de usar produtos de beleza Um dos principais deles é fazer o teste reação alérgica.

No geral, aplica-se uma pequena quantidade do cosmético próximo ao cotovelo e após 48 horas observar se há ou não reação. Se houver, é indicado evitar o uso.

Além disso, é importante ler a bula e seguir o passo a passo de uso do produto. Por fim, se você perceber qualquer alteração após aplicar produtos como tintura de cabelo ou outros cosméticos, como coceira, vermelhidão ou inchaço, busque orientação médica.